quinta-feira, 27 de abril de 2017

Action Figures da 'Liga da Justiça' como personagens de uma Dungeon de RPG

Qualquer jogador de RPG que se preze, em algum momento já se inspirou em seus personagens favoritos da televisão, cinema, literatura ou quadrinhos para criar o seu próprio personagem dentro de um sistema de fantasia medieval do role-playing. Ou pelo menos sei que fiz muito isso. Sempre imaginando qual raça, classe ou habilidade cada um teria dentro do sistema de regras do jogo.
Para ilustrar essa imaginação, o artista Jamie Follis do site sillof.com desenvolveu uma série de Actions Figures que coloca a Liga da Justiça pronta para encarar uma Dungeon de D&D,... Confira abaixo:
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...

domingo, 23 de abril de 2017

Os vikings estão chegando na obra 'ABOMINAÇÃO' da DarkSide Books

A era medieval é muito mais conhecida por seus mistérios do que por seus registros históricos. Talvez seja melhor assim. Há quem acredite que estaremos mais seguros enquanto não soubermos de toda a verdade. Mas quem disse que as lendas não podem ser mais reais do que você imagina?
Com influências que vão de H.P. Lovecraft a Game of Thrones, ABOMINAÇÃO vem sendo recebido mundo afora como um novo clássico para fãs do gênero, e agora chega por aqui pelas mãos sombrias da DarkSide Books. A obra é um romance de fantasia dark que reconta um dos capítulos mais sangrentos da história da Inglaterra: as invasões vikings do século IX. Apresentando personagens e batalhas reais, sua narrativa vai muito além do que poderíamos encontrar nos livros de escola.

SINOPSE: O reinado de Wessex foi o único de toda a Inglaterra que escapou dos invasores dinamarqueses. Seu rei, Alfredo, o Grande, negocia um acordo com os bárbaros do Mar do Norte, mesmo sabendo que eles não são exatamente os maiores adeptos da paz. É preciso estar preparado, a guerra pode recomeçar a qualquer momento. O arcebispo de Canterbury oferece proteção ao reino, através de feitiços descobertos por ele em velhos pergaminhos. O rei só não poderia imaginar que a magia seria ainda mais perigosa que os próprios vikings.
O primeiro romance de Gary Whitta, também autor do aclamado Star Wars: Rogue One, é uma aventura para os leitores mais valentes. Você mal consegue virar as páginas sem se manchar de sangue. O que à primeira vista poderia ser apenas gore ou grotesco se transforma em momentos de grande beleza, num estilo preciso que chega a lembrar o mestre Clive Barker.
As cenas de batalha merecem destaque especial. É como se o leitor estivesse lá, com a espada em punho, lutando por sua vida. A literatura de Gary Whitta já nasce pronta para as telas, e não seria uma surpresa uma adaptação cinematográfica de ABOMINAÇÃO repetir o sucesso de outros enredos do autor.
Se você é fã de mitologia nórdica, assim como Neil Gaiman, e se não ousa perder um episódio da série Vikings, ABOMINAÇÃO é um item obrigatório na sua estante. O lançamento é da DarkSide® Books, numa edição em capa dura e casca grossa, resistente a machadadas e até mesmo ao martelo do deus do trovão.

Para conhecer o final dessa história, clique agora no banner abaixo da nossa parceira Submarino e compre o seu exemplar. Depois volte aqui e conte a sua própria experiência com o livro em nossos comentários.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...

sábado, 22 de abril de 2017

'Os 120 Dias de Sodoma', reestreia no palco do Estação Satyros

Considerada uma das obras mais polêmicas de Marquês de Sade, a celebrada peça 'Os 120 dias de Sodoma' volta para uma nova temporada no Estação Satyros, montada pela Cia. Os Satyros.
A obra de Sade foi escrita em 1785, quando o autor estava preso na Bastilha. Passada algumas décadas antes da Revolução Francesa, o texto revela os planos de quatro poderosos libertinos franceses que prometem organizar uma orgia durante 120 dias. Para realizar a 'farra', os aristocratas raptaram oito belos meninos, oito formosas virgens, oito “fodedores”, três contadoras de histórias, além de várias damas de companhia, servas e empregados.
Os 120 dias de Sodoma (Marquês de Sade)
Escrito em 1785 por Donatien Alphonse François, mais conhecido como Marquês De Sade, ou o Divino Marquês.
Tendo dado por perdido o rolo em que o escrevera, ao ser retirado às pressas da Bastilha, às vésperas da Revolução, o autor morreu sem saber que o manuscrito seria mais tarde recuperado e publicado. Este é um livro incomum, de leitura perturbadora, cuja chave-mestra talvez seja o humor. Um humor negro, sombrio, genuinamente perverso e absurdo.
O romance retrata um catálogo exaustivo de extremidade sexual e sadismo: orgias, prostituição, incesto, estupro de crianças, o sexo com freiras, beber urina, coprofagia, flagelação, mutilação genital, tortura brutal e assassinato em massa. Em 1801, em represália a seus livros, ele foi preso a mando de Napoleão Bonaparte, sobre a intervenção da sua família. Dois anos depois, ele foi declarado insano e se mudou para o asilo de Charenton, onde permaneceu até sua morte em 1814. A palavra "sadismo" é derivado de seu sobrenome. (Editora Iluminuras)
A direção da montagem é assinada por Rodolfo García Vázquez, e está em cartaz entre os dias 7 de abril e 30 de junho no Estação Satyros (Praça Franklin Roosevelt, 134 Consolação São Paulo - SP (11) 3258.6345 / (11) 3231.1954 )
As sessões ocorrem às sextas-feiras, às 23h59, com ingressos sendo vendidos por até R$ 40,00.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...

sexta-feira, 21 de abril de 2017

10 Livros infantis que ainda são assustadores para adultos

As crianças podem ser bem mais fortes do que nós imaginamos. Adultos que se preocupam com histórias de ficção temendo que sejam assustadoras demais para as crianças, estão negligenciando uma verdade irrefutável: As crianças gostam de ter medo. O fato é que os fedelhos são feitos de um material bem resistente, e apreciam o tipo de adrenalina que vem na forma de um livro ou filme assustador.
Mas os adultos são aqueles que não sentem medo. Eles estão sempre no controle e sabem que sempre podem contar com alguma explicação lógica para qualquer coisa que fuja do racional.
Sendo assim, reunimos aqui alguns livros considerados 'infantis' com histórias tão apavorantes, que causariam pesadelos até mesmo no mais convicto dos adultos.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...

O Terror Na Tela - Aura

O Terror Na Tela é nossa coluna destinada ao gênero terror dentro do cinema, apresentado por Gerson Couto. Filmes das mais variadas décadas, países e subgêneros semanalmente para vocês.
Aura é um filme argentino com um ritmo bastante próprio e cadenciado, que vai chamar a sua atenção. Quer saber por quê? Dá um play!

Gerson Couto é um crítico, e especialista em filmes de terror.
Autor dos livros Hemisfério Dorso, Gretchen - Uma Biografia Quase Não Autorizada (em parceria com Fábio Fabrício Fabretti) e 3355 Situações Que Você Deve Saber Para Não Morrer Como Nos Filmes de Terror (Prefaciado pelo José Mojica Marins).
Também é bailarino e há cinco anos faz parte do elenco do programa Amor & Sexo, apresentado por Fernanda Lima, na Rede Globo.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Sucesso lá fora, thriller 'Morte Lenta' é lançado por aqui pela Faro Editorial

Eleito em março como o melhor livro do mês pela Amazon e Goodreads, a obra de estreia de Matthew Fitzsimmons chega por aqui com o fino acabamento da Faro Editorial.
O livro narra a história de um ex-hacker em busca de uma garota desparecida em meio a corrida pela Casa Branca. Um jogo de intrigas, segredos e suspense que poderá mudar os rumos do país. Com uma narrativa extremamente ágil, Fitzsimmons nos seduz em uma trama complexa sobre uma profundidade emocional impactante.

SINOPSE: Dez anos atrás, Suzanne, uma garota de 14 anos, simplesmente desapareceu sem deixar qualquer vestígio. Filha do então senador Benjamin Lombard, agora poderoso vice-presidente dos EUA, o caso continua sem solução e se transformou numa obsessão nacional.
Para Gibson Vaughn, renomado hacker e mariner, trata-se de uma perda pessoal. Suzanne era como uma irmã para ele. No décimo aniversário do desaparecimento da garota, o ex-chefe de segurança de Benjamin Lombard pede a ajuda de Gibson para realizar uma investigação secreta e entrega a ele novas pistas.
Assombrado por memórias trágicas daqueles dias, Gibson acredita ter agora a chance de descobrir o que realmente aconteceu. Utilizando as suas habilidades, já em suas primeiras pesquisas descobre uma rede de múltiplas conspirações em torno da família Lombard e se depara com adversários poderosos – e perigosos – que farão qualquer coisa para silenciá-lo. Ao mexer no vespeiro, novas informações e personagens vêm à tona, a identidade de Gibson é revelada, tornando-o igualmente vulnerável.
E enquanto navega por essa teia perigosa de fatos, ele precisa estar sempre um passo à frente se quiser descobrir a verdade… e se manter vivo.
Para conhecer o final dessa história, clique agora no banner abaixo da nossa parceira Submarino e compre o seu exemplar. Depois volte aqui e conte a sua própria experiência com o livro em nossos comentários.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...

Fatos que você desconhece sobre o autor de "Drácula"

No dia 20 de abril de 1912, morria, em Londres, Bram Stoker, autor do clássico romance de terror “Drácula”. O livro, publicado em 1897, é um ícone da cultura pop. Sua obra popularizou os vampiros de tal forma, que as grandes produtoras afundaram seus dentes em numerosas vertentes derivadas dessa criatura, que até hoje rendem filmes, peças de teatro, quadrinhos, séries e mais algumas centenas de outros livros sobre o assunto.
Com tanto material disponível a respeito, a gente acaba ficando com a amarga impressão de que já sabemos tudo que se há para saber sobre os vampiros, mas será que o mesmo se aplica ao maior difusor desse mito? Mesmo sendo o padrinho dos vampiros atuais, a vida de Stoker ainda é desconhecida por grande parte dos leitores modernos. 
Em homenagem a esse grande escritor, resolvemos levantar aqui os mistérios ocultos sobre sua capa, e revelar alguns fatos que você desconhecia sobre o autor de 'Drácula':
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...