segunda-feira, 9 de junho de 2008

Lingua solta

Algumas rimas tímidas para a Claudinha (Já que ela adora rimas),...
Passo a passo, se constrói a caminhada,...do nada. Algum lugar comum,... e você vê que não é só mais um, por mais que a gente pense diferente, a gente sente que em algum lugar do mundo tem alguém que pensa igual a gente,... que olha em volta antes de andar em frente,...mesmo que lentamente, e é assim que o mundo muda, a sua ajuda é importante, a minha parte eu faço marcando época no meu blog, no tempo e espaço.
Tudo que eu faço é pra ser clássico, não sou mais um traço do compasso, revolucionário do silêncio sem estardalhaço. Pra ser palhaço nem precisa do nariz vermelho, é só fazer o que não sabe sem se olhar no espelho, cabeça não é só pra ser suporte do cabelo, eu uso o cerebelo que tem nela. Seja favela ou condomínio, mantenho meu domínio e tento exercitar o raciocínio, pesquisando no antigo pra entender o atual, e construindo um bom abrigo pra esperar o meu final,...é o que eu quero pra mim, nem to afim de ficar pra trás tentando ler a inscrição no envelope de antrhax. Sou capaz de ampliar idéias, transformando um simples verso em uma epopéia.
Vim pra tentar, muitos não vão chegar , eu sei,...poucos vão restar pra divulgar o que pensei. Quem vai sobrar? Quem vai ficar? Quem vai marcar? Se ninguém levar a sério, quem vai ter história pra contar? Então destaca meu nome no seu arquivo, se depender de mim quem vier vai ter motivo, e incentivo de sobra para aprender a matéria, acabou a brincadeira, ...agora a coisa é séria!
Se não fez sentido pra você,...não esquenta,...não era a intenção
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
8 Comentários

8 comentários :

  1. Quanta determinação!
    E adorei a prosa com rimas, fica um texto gostoso de ler :D

    Quanto aos desenhos, não, eles não são meus... São do Alan, eu só escrevo as legendas!! Até poderia desenhar, mas nem ia ficar tão bem feito quanto os dele hehe =p

    :***

    ResponderExcluir
  2. Meu bem-dito...
    adorei as rimas, quanta sabedoria vem dessa cabecinha...
    Bom ter um texto dedicado a mim, é emoção demais pra uma segunda feira. Assim fico sem era nem bera!
    Bom eu tentei decifrar algumas passagens, e só posso entender assim: é você, como está se sentindo agora, novo olhar, nova perspectiva desse lugar...
    tô certa?
    "a gente sente que em algum lugar do mundo tem alguém que pensa igual a gente..." Pode ter certeza.
    beijosss

    ResponderExcluir
  3. Claudinha,...
    Eu não analiso o que escrevo, se não acabo desistindo e deletando todo texto, por que pra mim, nunca ta bom o suficiente,... Na maioria das vezes que escrevo, entro em um período de desligamento,...e simplesmente acontece. Só releio o que escrevo depois de meses, só assim aceito o texto,...
    Mas sobre a sua análise,...eu digo:...Bom, se vc tá dizendo. rsrsrs
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi Maldito! Não vi o comentário que perguntam se a gente é irmão.. rs

    Deve ser pelo jeito direto de dizer as coisas... ehehe

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Agora escrevi o que queria, faz tempoooooo hehehe...
    com certeza há de me trazer coisas boas esse furdunço todo.
    :)Vou almoçar...beijos hehehe

    ResponderExcluir
  6. Sorte a tua, cara. Eu tenho uma certa tendência a ficar careca... Meu velho é, ai já viu! Mas eu tô me cuidando... O Finalop tá dando um jeito nisso.

    Estamos juntos nesse manifesto do "não quero ficar careca" e mais um: "não quero ter cabelos brancos" hahahaha :P

    Flw.

    ResponderExcluir
  7. O almoço tava era bom...
    me deliciei com salada, carne assada, feijão, arroz, batata doce(frita), já comeu? tudo de bom...
    a sobremesa hummm, tem tempo hoje a noite???
    hahahahaha
    beijosss

    ResponderExcluir
  8. Adorei as rimas, deu um toque a mais no texto!
    Perfeito... E de certa forma, fez sentido pra mim sim!
    Bjs

    ResponderExcluir