quinta-feira, 9 de outubro de 2008

Não posso dar de mané

Fala tu,... já é?
Se você é maluco e fica lendo o que eu escrevo, é certo que você já percebeu e comentou com os amigos que eu tenho escrito pouco e largado o resto na moral. Você pode até achar que é preguiça, mas minha arte é assim, pra não encher o saco. Eu confesso que eu não gosto muito desses posts enormes, conforme eu vou lendo não ta nem no meio ainda, e já enjoa. A pessoa gasta as pontas dos dedos e um bom tempo digitando e a maioria das frases cai na mesmice. Nem todas as frases saem assim tão boas.

Pior é que até podia se ele se preocupasse em fazer essa merda direito, se limasse aquelas que ele mesmo sabe que não tão fazendo efeito,... entende?Não dá pra ser perfeito, mas sabe aquelas paradas que você escreve, simples, convicto e diz pronto ta feito? Então meu efeito é feito isso.
To falando contigo, não fecha a janela agora não.Você fala de mim sabe que eu aceito na moral e só vou revidar na escrita. O respeito prevalece. Quando eu vejo um trouxa querendo arrumar estresse por causa disso eu...penso...será que esse entendeu mesmo? Ou só revive aquela velha história de quem só aparenta mesmo?

“Cumpade” sua roupa não vale de porra nenhuma, você nasceu pelado, mesmo que tenha ficado peludo que nem Tony Ramos, não muda nada em termo de sermos humanos. Sermos da paz ou sermos de guerra, depende dos ramos da árvore da vida que tu cultiva. Os que acham que todos os blogs são uma coisa só, mesmo sem nunca ter visto uma coisa só.Quando todo mundo sabe que só se sentindo só no meio de milhões de pessoas berrando em silêncio. Farei de você um tolo com um nó na garganta.
Ta aqui um blogueiro que despersa as palavras ao esmo no sentido concreto.

Eu tenho os pés no chão claro, mais isso não quer dizer que minha cabeça não possa alcançar o teto.Você me entendeu,... não se faz de babaca não só porque você ta na frente de alguém que não vai com minha cara e não me encara nunca.Cara, meu coroa uma vez me falou “Se é isso mesmo que você quer então vai, meu filho, melhor se arrepender pelo que se fez do que passar a vida se remoendo pelo que poderia ter sido! “Os planos mudaram do tudo fez-se o nada do nada fez-se o inverso e vice-versa
Já ta ótimo pro meu verso sem pretensões, sem por tensões, dos que levam a vida no estado singular.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
22 Comentários

22 comentários :

  1. E seu pai está certo: "...melhor se arrepender pelo que se fez do que passar a vida se remoendo pelo que poderia ter sido!"
    Eu não arrisquei e vivo pensando no "se eu tivesse ido..."

    Quanto ao Crossover... você é o cara, ótimas idéias sempre! O simples "Andarilho", vem dos Caminhos!

    Beijos meus

    ResponderExcluir
  2. Melhor tentar do que viver com a culpa de não ter tentado.
    -

    O yeah,hahaha,agora já posso ser presa...Que medo :s

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu tenho escrito muitos posts longos... Sei que muita gente não chega na metade, mas fazer o que?! Deixar de escrever por causa de alguns que têm preguiça de ler? Isso nunca! Incultos! :)

    Com certeza... É melhor se arrepender por ter feito do que chorar depois por ter perdido a oportunidade de fazer.

    E tenho dito!

    ResponderExcluir
  4. Acho que, no fim, os nossos posts são parecidos.
    Ainda que o meu seja enoooooorme [Caí na mesmice em alguma hora?]

    Valeu pelo comentário, moço.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. hahahaha ja entro aqui pela primeira vez tomando esporro!Mas concordo contigo é facílimo se tornar prolixo... aliás como é... Fora ainda as modas blogosféricas de temas...
    Abraço

    ResponderExcluir
  6. A pessoa gasta as pontas dos dedos e um bom tempo digitando e a maioria das frases cai na mesmice. "Nem todas as frases saem assim tão boas.

    Pior é que até podia se ele se preocupasse em fazer essa merda direito, se limasse aquelas que ele mesmo sabe que não tão fazendo efeito,... entende?Não dá pra ser perfeito, mas sabe aquelas paradas que você escreve, simples, convicto e diz pronto ta feito? Então meu efeito é feito isso."

    Gostei disso! Acho e sinto isso tb!

    Beijocas, bom texto!

    ResponderExcluir
  7. bacana. um texto cheio de realidade.

    bjosss...

    ResponderExcluir
  8. Posts longos da´preguiça de ler... e as vezes, até de escrever, corrigir, reler e blablabla.
    Gosto do que vc escreve :D

    :*

    ps.: de onde vc é?

    ResponderExcluir
  9. Ui, o post onde encontrei seu comentário era uma imensidão, hahaha. Repito aqui a pergunta feita pela Taynar :D

    É muito fácil mesmo a gente se perder num post... a gente começa aescrever uma coisa, aí na sequencia começa a pensar em outra, e acaba não completando idéia nenhuma - e, no fim, a gente mesmo fica se perguntando "mas que porra é essa?"

    Gostei muito do blog e de te receber lá na minha bodeguinha. Querendo voltar, será um prazer e não se acanhe - nosso esquema é "open 24 hours" :D

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Todos os créditos daquele texto à Ailin Aleixo!

    ResponderExcluir
  11. eu tb tenho preguiça de ler textos longos e que enjoam... tem textos longos que leio num tapa pq são bons.

    E sabe, o esquema dos textos tb influencia. Paragrafos mto imensos me deixam tonta..

    Eu nao acho que td blog é igual. Mas concordo com a modinha de temas.

    é que o blog é tao pessoal e a maioria das pessoas fala mais de si... e como tu disse ai, todo mundo nasceu pelado igual, e vai ver por essa semelhança toda os blogs sejam tão repetitivos..

    Eu ja liguei mais para isso, de criticas e elogios ao meu blog..

    E sim, eu sinto falta dos seus posts frequentissimos!

    bjs

    ResponderExcluir
  12. Olá Maldito!

    Mal_dito sejas, porque nunca te vi, nem sequer cheirei no meu blogue. E olha que sou jornalista e dizem que escritor. Talvez por me arriscado a publicar uns livrecos. Alto lá: quem arrica são os editores... Tenho (mal)dito.

    Cá estamos. Desta vez, creio que sem problemas. Mas, quem sabe? Tive um ror de chatices com o Google, o Gmail, uma data de porras! Mas, aparentemente os imbróglios estão ultrapassados. Assim seja. De qualquer forma – mudei tudo uma vez mais. Por isso, regista, por favor:

    hantferreira@gmail.com

    www.aminhatravessadoferreira.blogspot.com

    Espero que seja esta a versão definitiva deste meu (e teu) blogue. Já bastou o que bastou. Apenas deixo aqui um propósito: continuar o que já tinha(mos) feito e, da minha parte, tudo fazer para que ele seja ainda melhor do que os anteriores, «mortos em combate»…

    Vem aqui, como já o fizeste nos dois outros «definitivelmente» falecidos na generalidade e na especialidade (RIP). Deixa comentários, escreve, colabora, manda fotos – insulta-me se assim o entenderes. Os gordos têm costas largas… Fico à tua espera, com esperança qb e uma pitada de ansiedade. Sal & pimenta & coentros à vontade do freguês. Bem-vindo

    @@@@@@@@@@

    …E ATENÇÃO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    NOVO CONCURSO

    … E QUANTO A VOLUMES

    Gente boa*

    Aqui está um novo concurso, o primeiro deste blogue. Herança do falecidos anteriores (RIP), é mais uma iniciativa do Sorumbático (http://sorumbatico.blogspot.com), agora acompanhado pelo A Minha Travessa do Ferreira (http://aminhatravessadoferreira.blogspot.com). Este passatempo tem como prémio um exemplar do livro cuja capa e contracapa aqui se vêem.

    O desafio consiste em, até às 24:00 horas do dia 14 (terça-feira), tentar adivinhar qual o volume do livro (em centímetros cúbicos).

    NOTA: a obra faz parte de uma oferta da editora Occidentalis ao Sorumbático, onde dois exemplares já foram sorteados; este é o 3.º, e é reencaminhado para aqui.

    ______
    *Desculpa-me se me enganei…

    ResponderExcluir
  13. Eu tenho os pés no chão claro, mais isso não quer dizer que minha cabeça não possa alcançar o teto.

    só não viro fã depois dessa pq já sou!

    bjos

    ResponderExcluir
  14. gostei de teus comentartios acidos... vou acatar alguns como conselhos para o meu blog... valeu gsotei da leitura, memso nao tnedo lido tudo.

    ResponderExcluir
  15. Pense que você tem uma vida inteira para consertar uma cagadinha que tenha sido feita em um momento de loucura.

    Posts longos realmente tiram a atenção...Mas infelizmente, não me canso de escrevê-los.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. o branco é a junção de todas as cores :) o preto é a mistura delas.

    haha, beijos.

    ResponderExcluir
  17. "Já ta ótimo pro meu verso sem pretensões, sem por tensões, dos que levam a vida no estado singular"

    Adorei!!

    ResponderExcluir
  18. gostei muito daqui e dessa sua verdade.

    obrigada pela visita lá no meu canto.

    beijo.

    ResponderExcluir
  19. "mas sabe aquelas paradas que você escreve, simples, convicto e diz pronto ta feito? Então meu efeito é feito isso".


    Eu escrevo, escrevo e muita vezes acabo não dizendo porcaria nenhuma.

    ;)

    ResponderExcluir
  20. Passei por aqui e gostei do seu texto, por isso estou deixando um selinho, com a indicação de que vale a leitura ;)

    Caso aceite, passe em : http://devaneioseloucuras-raquel.blogspot.com/

    e é só pegar.

    Abraços
    Raquel

    ResponderExcluir
  21. Poizé, o pouvo hj anda muito conformado e deixando tudo na mão do destino. Não é todo mundo que sabe o poder de mostrar as cartas e correr atras do que quer.

    ResponderExcluir