sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Aos Alagados do Acre

De repente o Brasil acordou sabendo que o Acre existe. Infelizmente isso se deu da pior forma. Dessa vez não deu pra levar na brincadeira. Não deu pra esconder a situação como um primo feio que se nega o parentesco. Foi necessário que o estado fosse assolado por uma chuva torrencial e entrasse em estado de calamidade para que a imprensa deslocasse a bunda de suas equipes do ar condicionado e as enviasse rumo ao calor acriano para registrar a triste situação do estado e lembrar a elite brasileira de que chegar atrasado por conta da chuva na Marginal Tiete nem é tão terrível quanto parece.

Qual foi a última notícia que você escutou sobre o Acre?  Foi aquela sobre o terremoto? A do político assassino? Foi a morte de algum ativista? Ok,..deixa eu mudar minha pergunta, ... Qual foi a última BOA notícia que você viu sobre o estado do Acre? Uma que não o coloque nas paginas políticas e policiais. Já te foi sugerido uma viagem ao Acre no caderno de turismo de algum jornal?  
Sim, o Acre é longe. Porém, só continua isolado devido a ignorância das pessoas que só tomam conhecimento desse cantinho do Brasil quando alguma crise se instaura por lá. Como se o lugar fosse uma espécie de terra de ninguém.

É justamente essa falta de informação que faz com que as pessoas se sensibilizem mais com o tsunami no Japão do que com a situação do Acre por exemplo. Essa falta de vínculo que faz com que alguns se identifiquem mais facilmente com estranhos do outro lado do mundo do que com seus iguais.
Não sou acriano, mas particularmente, sempre que me olho nu em frente ao espelho me identifico mais com a grandeza selvagem de um índio, do que com a micro tecnologia oriental. Entende o que quero dizer?
Mas se não for o seu caso, desconsidere essa sentença.
Quer ajudar os Alagados do Acre? Comece desafogando sua mentalidade.
O Acre possui uma identidade cultural incrível, de fazer inveja a muitos outros estados que se limitam em copiar as festas típicas das grandes capitais. Tenho certeza que os acrianos também gostariam de ser lembrados pela mídia durante seu Festival do Açaí, na ExpoAcre, pela Cavalgada anual e até mesmo pela sua Parada Gay (Triste do estado que não tem a sua!!). Mas por favor, vamos alterar o chavão do ‘O Acre não existe’ para um ‘Eu não conheço o Acre’, assim sua ignorância fica menos acentuada. 
Afinal, eu também não te conheço, mas nem por isso sou idiota a ponto de dizer que tu não existe ou de repetir qualquer estupidez que escuto a seu respeito, justamente porque eu não te conheço. 
Deu pra entender a matemática da coisa?

Pra te ajudar, te informo que enquanto muitos estados já tentaram trair a pátria mãe reclamando por independência, o Acre é o único que já lutou de armas em punho pelo direito de fazer parte deste país. Talvez por que seja um dos últimos lugares onde a população ainda se mantém genuinamente brasileira, sem nenhuma ou com bem pouca influencia de imigrantes estrangeiros.
Uma terra que tem o sangue de sua gente impresso em sua bandeira, a mais verde e amarelo do país. 
Enfim,... O Acre é o Brasil raiz.
Related Posts with Thumbnails
Comentários
63 Comentários

63 comentários:

  1. Sem olhar no Google, a visão de quem está distante uns 4000km.

    Infelizmente não conheço o Acre. Um dia apareço por aí. Gostaria de chegar perto dos geoglifos, conhecer as fronteiras e como é a vida por aí. Realmente a resposta da comunidade ao isolamento geográfico é esta. A piada. A massa é orientada a olhar e pensar como o eixo Rio/SP.

    Mas nada supera o mau gosto das reportagens sobre o primeiro shopping center do Acre nos veículos da Globo e Folha (entre outros). Aquilo foi puro deboche xenofóbico.

    Boa sorte por aí.

    @jesael
    Passo Fundo, RS

    ResponderExcluir
  2. Fico feliz como acriano em saber que existem pessoas conscientes das suas verdadeiras raízes brasileiras, de que nosso país, apesar de ser muito grande, e com problemas de estradas e vias de acessos a muitos lugares, deixa um turismo nacional na maioria das vezes mais caro do que o internacional, existem pessoas informadas, fora dessa educação da massa SP\RJ como disse o Jesael ai de passo fundo, faço facul em são paulo a 4 anos e sei bem o que é isso, bater de frente com essa ignorância, gente que adora citar coisas de fora, adora dizer como a europa e os EUA são o máximo, e adoro falar mal de um nordestino que trabalha na sua cidade, adora não saber nada sobre a amazônia e a vasta cultura que nesse país se encontra. Como um acriano e principalmente como um Brasileiro assim como vcs que estão fazendo muito jus a essa identidade. Salve!

    ResponderExcluir
  3. muito obrigado pela redação, fiquei ate emocionado com o carinho e a presteza....abraços

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito do Blog. Tem um jeito aguçado de escrever e isso é muito bacana...

    ResponderExcluir
  5. Até que enfim alguém inteligente e sábio para escrever algo tão verdadeiro como este post!
    Parabenizo à você que escreveu isso, pois muita gente "ignorante" pensa que meu Acre não existe, ou pensam que aqui só tem bicho e índio.
    Eu como acriana digo e afirmo aqui é ótimo lugar para se viver. e você que ainda não conhece, venha conhecer e confirmar que aqui é um ótimo lugar !
    Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pela postagem!
    Vale a pena saber que ainda existem pessoas inteligentes e sensíveis à causa alheia.

    ResponderExcluir
  7. Mto obrigada! Como acriana nunca algum texto, relato, redação expressou tão bem a verdade... Gostaria de saber o nome do autor, para divulgar..

    ResponderExcluir
  8. Olá! Gostei muito do seu texto. Vi através do Facebook e realmente fiquei feliz em ver que existem pessoas que procuram saber a realiade de seu país.
    Sou acreana e a nossa realidade é muito diferente de grande parte do país. Gostei muito, muito mesmo!

    Acesse o blog http://assimfalouwallace.blogspot.com/

    Nesse blog, existem "causos" do Brasil e do Acre também! Acho que vc vai gostar.

    ResponderExcluir
  9. É por isso que digo: "Nem todo dito é maldito".

    ResponderExcluir
  10. Sou guia turística de um museu a que no ACRE e sempre as pessoas se surpreendem por não ter ; " onça andando no meio da rua , índios e coisas do tipo "
    O Acre tem sim suas dificuldades , não tem como compara-lo a uma grande metrópole , mais ele é lindo , cheio de riquezas , lugares históricos lindos de se ver , e sem contar na historia , de um estado que lutou pra ser brasileiro .
    E sim merecemos atenção , principalmente agora , a gente não ta de brincadeira , tudo a que esta muito , muito serio .
    Morreu um voluntario , enquanto ajudava nas alagaçoes ( 24 / 02 ) ele só tinha 19 anos ;/

    É lamentavam a situação a que !

    Divulguem ajudem !

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito... Sábias palavras!
    Você conseguiu descrever o real sentimento de um acriano... Discriminado, lembrado nacionalmente somente pelos acontecimentos desagradáveis, mas nós acrianos não nos abalamos conhecemos nosso valor! Temos consciência da "riqueza" que possuímos, seja ela cultural, natural e humana, povo solidário e guerreiro! Esse momento que vivemos hoje (desastre) será superado! Avante!

    ResponderExcluir
  12. Disse muita coisa que há tempos estava entalada aqui na garganta. Ótimo texto!

    ResponderExcluir
  13. Show!!! Texto ótimo...Porém só retificando um trecho dele, a alagação ñ acontece devido ao fasto de ter havido uma chuva TORRENCIAL, e sim, por causa da época chuvosa que acontece nesse período, todos os anos o nível do tio aumenta, causando alagações em vários lugares, mas esse ano as chuvas tem sido mais prolongadas e intensas, infelizmente causando esse desastre!!! Enfim...essa questão ñ tira seu mérito quanto ao texto, e mil vezes PARABÉNS, em ver o ACRE realmente como ele é: GENUINAMENTE BRASILEIRO, e eu sempre serei ACRIANA COM MUITO ORGULHO.

    ResponderExcluir
  14. Ótimo texto. Me fez refletir e espero que faça mta gente fazer o msm.

    ResponderExcluir
  15. E se alguém, nessa Terra de Gigantesm quiser ajudar de alguma forma, é só depositar qualquer quantia na conta q foi aberta pelo Banco do Brasil, voluntariamente, em nome da Diocese de Rio Branco: SOS ENCHENTE RIO ACRE - AG: 0071-X, C/C: 100000-4, BANCO DO BRASIL.
    Se quiserem ajudar de alguma outra forma, é só entrar em contato com o Comitê ACre Solidário e ver de que forma quer ajudar! Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  16. Brava gente Brasileira é isso que somos,acrianos com orgulho, com um valor inestimavel, é verdade que estamos no meio da amazonia, porem isso não nos torna menos Brasileiro que os outros.
    Uma vez em uma viajem ao peru encotrei uma turma de curitibá e eles ficaram fazendo varias piadas do tipo, é verdade que o acre existe.Primeira vez que eu vejo um acreano,vcs dividem o espaço com as onças.Eu diz que sim, resposndi ironicamente que eu tinha ido a cusco montada em uma onça.Fiquei pensando como as pessoas não tem respeito pelo acre.
    Como fomos Guerreiros, iremos sim nos,supera mais essa situação.

    ResponderExcluir
  17. Realmente não somos menos brasileiros, ao contrário, podemos nos considerar até mais, pois lutamos para fazer parte do Brasil. O diferencial do texto é que exprime a visão de um não acriano, porém, se aproxima muito da de um. É verdade que estamos exaustos de nos enxergarem apenas com os "olhos do mal" mas, o acriano já aprendeu a reagir a certas pessoas e seus comentários, cuja ignorância fazem mais mal a elas próprias. O Acriano "tira de letra" essas intempéries, assim como vai superar mais essa "notícia ruim" veiculada pela mídia nacional: a alagação. Força, gente!

    ResponderExcluir
  18. Olá, sou acriano e gostei muito do teu texto. Tambem sou administrador do BLOG Assim falou Wallace - um blog para todos e para ninguém, e por isso tomei a liberdade de publicar o teu texto no meu BLOG, citando a fonte, é claro.

    Pode me contactar pelo e-mail: sphinxsphinx@hotmail.com

    Valeu, irmão!

    ResponderExcluir
  19. Falou tudo. Parabéns pelo texto e parabéns também por ter uma mente aberta e inteligente. O brasileiro é, infelizmente um povo que tem preconceito contra o próprio povo, deixa chegar um gringo no Brasil que todos ficam admirando e ajudando como podem, mas deixa um brasileiro chegar no exterior... Será sozinho e dificilmente admirado a näo ser pelos bordöes que ja existem. Brasileiro tem que ajudar mais os de casa, acordar que somos grandes e que precisamos de ajuda, é preconceito contra o nordestino, contra o nortista, sul contra nordeste, sudeste contra norte e vice e versa. Acorda Brasil!

    ResponderExcluir
  20. Falar sobre as coisas ruins é facil, mas só quem conhece o Acre sabe a grandeza da história, a grandeza da raça do povo Acriano. A raça do povo que lutou pra ser brasileiro.. tem quase 8 meses que sai do Acre pra morar em Brasília.. e até hoje não vi sequer uma pessoa falar uma coisa boa de lá.. mas isso nem me surpreende não!
    Hoje o Acre está passando por um fato histórico, a maior alagação já vista naquele estado.. tem município que ficou 95% alagado.. sabem o que é isso? ninguém tem noção do que é perder tudo.. tanta gente reclamando da vida, mas é triste ver a situação atual em que se encontram os brasileiros mais isolados desse país.
    Uma atriz Acriana fez um vídeo, que me emocionou muito, gostaria de compartilhar aqui com todos vocês: http://www.youtube.com/watch?v=rPYs6OhTzjY

    Sou Acriana e defendo com unhas e dentes o meu povo.
    Adorei o texto. E seria muito bom que toodos refletissem e começassem a ajudar os acrianos que estão passando por um momento tão difícil.
    Obrigada!!!

    ResponderExcluir
  21. Fiquei maravilhado com a redação, não por ser acriano mais brasileiro com você e todos aqueles que sentem orgulho de ter nascido nesse país maravilhoso. Infelizmente não é só nosso Estado que sofre com o isolamento mais também Roraima, Amazonas e outros que são lembrados apenas na hora de repassar os impostos federais!

    ResponderExcluir
  22. sou Acreano, e aqui aprendemos a história de todos os Estados brasileiros, o pior é que quanto mais estudamos, mais vemos que os outros estados desconhecem a nossa história, muito rica por sinal que se reflete no nosso Hino. Essa foi uma das poucas vezes que pude ler uma matéria inteligente sobre o Acre, só posso dizer obrigado!

    ResponderExcluir
  23. Nasci em RO, mas tive o privilégio de vir morar no Acre a 29 anos e por muitas vezes esqueço que não nasci aqui.
    O Acre é um lugar maravilhoso para se viver. Podemos tão ter os teatros, shows, praias que o nordeste, sudeste e sul tem, mas temos qualidade de vida com o que temos. Ainda aproveitamos de muitas coisas boas, que as grandes cidades perderam. Penso que a maior riqueza do Acre são as pessoas. Não importa o cargo que estão ocupando ou o papel social que estão desenvolvendo, que vem ao Acre sabe que aqui existe um povo feliz, solidário, gentil, gente boa e acima de tudo competente, inteligente e comprometido.
    Espero que você um dia possa ter o privilégio de conhecer o Acre e comprovar um pouquinho do que relatei.

    ResponderExcluir
  24. Ótimo texto. Parabéns. Você escreve maravilhosamente bem.

    ResponderExcluir
  25. Gostei muito do que lie , creio que a ignorancia do povo é que faz esse tipo de pessoas, como acriana tenho muito orgulho de morar aqui, e quando as pessoas realmente conhece esse lugar passam a gostar...parabéns

    ResponderExcluir
  26. Fio, parabéns pelo que você escreveu sobre essa situação terrível que está acontecendo e infelizmente piorando, devido a continuidade das chuvas.
    Sabiam que a grana a ser destinada para o estado, por conta da calamidade que se abateu sobre praticamente 200 mil pessoas diretamente, é a mesma que destinaram para o Carnaval no mesmo estado neste ano? Cinco milhões de reais... Isso mesmo, SOMENTE 5 milhões. Agora, depois da notícia de que várias Câmaras de Deputados do país utilizam a desculpa de ajuda parlamentar para justificar os tais 14 e 15ºs salários, tudo isso vira uma piada de muito mal gosto. Onde eu estou nem chuva tem, Cabo Verde, mas na minha cidade de nascimento, Londrina lá no Paraná, a calamidade da chuva do ano passado deixou muita gente em situação difícil e foi justamente uma acreana que me alertou ao me perguntar se minha família estava bem lá em Londrina. É assim: encontramos solidariedade de todos e todas. Vamos ser solidários com nossos irmãos e irmãs, nesse momento tão difícil.
    Dejair Dionísio, Praia-Ilha de Santi
    ago, Cabo Verde.

    ResponderExcluir
  27. Parabéns pelo texto, até que enfim alguém que não conhece o Acre teve a iniciativa de escrever algo que não demonstrasse desdém ou ignorância, mas como foi dito, pena que tivemos que passar por um desastre que não difere muito de um tsunami japonês ou um terremoto chileno, temos uma cidade inteira devastada (brasiléia) e outras tantas como a capital com desabrigados suficientes para computar números de três dígitos.
    Contamos com a solidariedade de todos, quem não puder ajudar com doações ou com mão-de-obra, que pelo menos não atrapalhem com piadas idiotas em rede nacional ou em sites de relacionamentos, deixem que nós mesmos façamos as piadas da nossa prórpia desgraça não precisamos de ajuda nisso.
    Mais uma vez deixo minha admiração pelo que foi escrito e aviso a alguns: " É melhor ficar calado e acharem que você é um idiota do que abrir a boca e eles terem certeza".

    Gilberto Lucas
    gilstigma@hotmail.com

    ResponderExcluir
  28. Correção, são cerca de 120.000 atingidos, números com seis dígitos e não três.

    ResponderExcluir
  29. Parabéns pelo texto!
    O mais triste é que quando acontece tragédias assim em outros lugares o Brasil inteiro faz campanha para ajudar, e no Acre mais de 130.000 pessoas já foram atingidas pela enchente e ninguém ouve falar em ajudar os alegados desse Estado que é tão maravilhoso de se viver!

    ResponderExcluir
  30. "SUPERAÇÃO PÁTRIA MINHA!

    Oh! Pátria minha, que tanto nos orgulha. Audaz e corajosa sem o brilho perder. Terra de brava gente que sabe o que quer.

    Nesse momento de angústia, uma mão amiga necessita, a consolar os filhos de sua pátria que choram a perda.

    E uma perda de anos de luta e labor, suor derramado diariamente e que num instante imediatamente a água levou.

    Oh! Pátria minha, superação está no seu sangue. E mais uma vez terá que bravamente vencer, superar suas próprias limitações para que de forma fraterna acolha a nação acreana.

    Pátria querida, amor meu, que tanto lhe admiro, nesse momento de dor nossa principal arma é o amor.

    O amor aos nossos compatriotas. O amor ao próximo. O dar sem esperar nada em troca, pois quem ama simplesmente se doa.

    E que nesse momento, de cabeça erguida, espírito valente, disposto a ajudar, sem fraquejar e de arma em punho possamos permanecer como diz nosso lindo hino acreano “...sem recuar, sem cair e sem temer.”

    Oh! Pátria minha, mãe gentil, sei que vamos juntos vencer mais uma batalha e ao final venceremos essa guerra com nossa maior arma, a solidariedade.

    Charles Brasil, contador da UFAC

    ResponderExcluir
  31. Agradecida como acreana, porque até isso mudaram passamos de acreanos para acrianos sem a nossa autorização, somos humilhados pela mídia do nosso própria país porque não temos um shopping de mais de dois andares, mas quer saber somos felizes com o pouco que possuímos, e só pra lembrar não foi a chuva de 2 horas como acontece em sp e em outros estados que alagou nosso estado, mas fois nossos afluentes transbordando que nos levaram a essas situação me pergunto porque meus antecepassados lutaram tanto pra pertecer a esses país corrupto e cheio de preconceito, aqui não existe somente indios, e se fosse que mal teria, mas to nem ai pra quem num sabe que o Acre existe porque eu não sou burra de pensar que pessoas assim não existem.

    ResponderExcluir
  32. Ao autor meus cumprimentos por ter sido sapientíssimo ao expor as agruras do povo "acrEano" (com E mesmo). E soube escrever nossas inquietações com as brincadeiras de mal gosto. Parabéns por ter descoberto o verdadeiro sentido de ser BRASILEIRO.

    ResponderExcluir
  33. Muito boa colocação, se em nosso pais existissem mais pessoas inteligentes como vc, nós acrianos não seriamos vítimas de piadas de tão mau gosto. Parabéns!!

    ResponderExcluir
  34. QUERO FAZER UM COMENTARIO SOBRE O MEU ESTADO ACRE, QUERO QUE TODOS SAIBAM QUE O HINO ACREANO E LINDO, GOSTO MUITOOOO, AINDA BEM QUE EXISTEM PESSOAS SENSATAS NESSE MUNDO. VALEU POR QUEM ESCREVEU TÃO BEM ESSA MENSAGEM SOBRE O MEU LINDO ACRE.

    ResponderExcluir
  35. Caralho ! Que texto sensacional. Muitíssimo bem escrito e verdadeiro. Abraço de um Acriano pé quente.

    ResponderExcluir
  36. Em 2009 fui participar de um curso em São Paulo. Somente eu era de fora do estado, e mais, era acriano. Alguns alunos começaram a fazer a "criativa" brincadeira de me perguntar se o Acre existe mesmo. Falei aos "intelectuais" que qualquer coisa que me perguntassem de São Paulo, e da região sudeste, eu saberia responder, se não tudo, pelos menos em parte: geografia, economia, processos de formação histórica, etc. Inclusive naquele momento estava lendo "A Ferro e Fogo"(Warren Dean), sobre o fim da mata atlantica. Perguntei o que eles sabiam do Acre. Todos responderam que nada sabiam, e os mais "intelectuais" perguntaram como poderiam saber algo, se o Acre nem existia. Então disse a eles que minha conclusão era que, o ensino médio de São Paulo deveria ser uma bosta, e era por isso que São Paulo, produzia para o Brasil os "Pitas" e os "Malufs", e tanta coisa "boa". Passei mais 40 dias no curso, mas nunca mais ouvi gozação sobre o Acre.
    Parabéns pelo texto, sua sagacidade me emocionou.

    ResponderExcluir
  37. Não sou acriana mas vivi lá por 4 anos. Acredito que neste texto voce conseguiu colocar tudo o que sinto por este lugar lindo. Parabens voce lavou a almas dos isolados pela "alagação".
    O Acre é esquecido pelo Brasil mas lembrado por Deus.

    Rose Vieira

    ResponderExcluir
  38. Vamos injetar esse texto sensacional na veia de quem diz que é brasileiro com orgulho mas nao conhece o que é riqueza de verdade.
    Acreana com orgulho!

    ResponderExcluir
  39. http://oacreexiste.com/index/

    Projeto de uns malucos paulistas sobre o nosso tão tão lindo Acre. Poesia para os olhos.

    ResponderExcluir
  40. Eu não vou te elogiar mais do que o de costume, porque o pessoal já tá desconfiando! Mas "duca" o texto, é demais! To de saco cheio de responder quando me perguntam quando vou à Sampa "o que faz aqui, veio de tão longe pra quê?" eu não exito "Vim matar John Connor"

    ResponderExcluir
  41. Gostei. Parabéns pelo texto. Mas só uma ressalva, não sei se colocaram já, mas diferente de São Paulo não foi apenas uma chuva tempestuosa que causou isso tudo, foi o correspondente a todo período de inverno que iniciou em janeiro, com chuvas diárias e até várias vezes no mesmo dia.
    Assim como diz meu pai, eu repito: nós estamos sempre aprendendo. Nunca será demais. Aliás, é a única coisa que não podem nos roubar, é o conhecimento.

    Venham conhecer essa maravilha que é nosso Estado!

    ResponderExcluir
  42. justamente porque eu não te conheço? mas já sou seu fã Depois de um texto maravilhoso desse.... muito bom saber que existe pessoas que se preocupam com o povo acriano.... por que politico só na hora da eleição.... impressa só na hora da matéria que fala sobre morte, politico ou velho chico mendes ( A lenda)....

    ResponderExcluir
  43. Meu Deus, quase chorei de emoção!!!!!!! Enfim uma cabeça pensante para falar algo produtivo sobre o meu querido Estado do Acre.
    Sou acriana com muito orgulho e estou muito triste com os acontecimentos de la. Moro em Manaus e acabei de chegar do Acre, fui rever minha cidade, seu progresso e suas belezas, e apesar das alagações, vi uma cidade bonita, organizada, segura e bem planejada, cidade de pessoas bonitas e muito educadas, muito diferente dos pensamentos ignorantes de muitos que nem de historia sabem!Apesar do que muitos pensam, o Acre tem riquezas naturais, culturais, históricas, temos boas estradas tanto para o Brasil quanto para a America do Sul, aff, somos um GRANDE ESTADO!!!! Temos problemas? Claro!!!!!! Qual não tem???? Pronto, falei! kkk. Parabéns pelo post, muito produtivo e inteligente, parabéns!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  44. Hoje no horario da tarde quando abrir meu e-mail vi uma mensagem, mas no inicio não me interessou em saber do q se tratava. Agora a pouco fui rever meus e-mail's e algo chamou minha atenção no e-mail recebido e para minha surpresa foi o teu texto.
    Sou Acriana, tenho orgulho em dizer isso. Estou até agora emocionada como q li.
    Obrigada pelo seu comentario, o acriano é um povo lutador, receptivo as pessoas que vem de fora lutou até p ultimo momento para fazer parte da patria Brasil.
    Se todas ou pelo menos boa parte das pessoas tivessem o mesmo pensamento que vc o grau de ''ignorancia'' seria bem menor. Bjooos

    ResponderExcluir
  45. Bom, como já te disseram tudo o que eu também gostaria de dizer, só digo mais uma coisa:se vier ao Acre, não vai escapar de "beber água do rio', ai sim, vai se apaixonar!!! Abraços...

    ResponderExcluir
  46. Edson Parra Galvão2 de março de 2012 05:02

    Tem razão Adaildo Neto. Eu que também aqui aportei vindo de outras plagas, digo que os grandes centros, como São Paulo, perderam sua identidade. É fato: o Acre não tem shopping de dois andares, mas tem algo mais importante: ALMA.

    ResponderExcluir
  47. Bom dia a todos, sou acreano, e não é porque sou acreano não em, mais é um testo maravilhoso e verdadeira a história.

    ResponderExcluir
  48. PARABÉNS!
    O seu texto é sensacional! Falou tudo o que nós acrianos mereciamos ouvir, pois já ouvimos muitas piadinhas sem graça e que só denegriam a nossa imagem.
    Obrigada pelo texto e se puder divulgar os números das contas do AcreSolidário, seria uma grande ajuda!
    Os dados para depósitos ou transferência são:
    Banco do Brasil
    Agência: 0071-X
    Conta corrente: 100.000-4
    CNPJ: 14.346.589/0001-99

    Caixa Econômica Federal Agência: 3320 – Estação Experimental
    Operação: 006
    Conta: 71-7
    CGC: 63.608.947/0002-80
    Nome: Coordenação Estadual Defesa Civil

    Beijos e Sucessos!

    ResponderExcluir
  49. Parabens pela materia e pelo blog, pelo menos alguem para reconhecer o nosso Acre. As vez muitas pessoas tem dificuldades para conhecer nosso estado, mas tem uma facilidade para atravessar fronteira e conhecer a China que é muito mais longe. La no outro lado do mundo e perde de ver as belezas de nossa terra.

    ResponderExcluir
  50. esse caa falou tudo...sou acreano e com muito orgulho e conheço muitos paulistas, cariocas ( da gema) que sao mais ingnorante do que um pobre indio..

    ResponderExcluir
  51. Enquanto o Pedro Bial fica exorcizando os "sem mente do BBB", nossos "verdadeiros Heróis" brasileiros, os acrianos, já lutaram para o território pertencer ao Brasil, lutam contra a dengue, lutam contra as drogas, lutam contra as enchentes, há muito tempo vivem lutando contra a discriminação regional no Brasil. Mas mostramos que o Acre é unido e que as lutas virão, mas ficaremos vistos como guerreiros que não desistimos da batalha.

    ResponderExcluir
  52. Parabéns,
    Sou acreana com muito orgulho e estou morando ha 3 anos em Minas, no interior. Gostaria de contar a todos que, quando eu vim para cá achava que estava indo para um local mais avançado culturalmente, políticamente,socialmente,etc..., mas me deparei com um povo "de pequenas idéias e discriminador" que não chega nem aos pés dos "índios acreanos" como são conhecidos os acreanos pelas grandes metrópoles.
    Mas uma coisa: ElES(discriminadores) não nos dão tanto valor por medo de tomarmos o lugar deles, pois sabem que isso pode acontecer porque nós temos poder para isto,lutamos até para sermos acreanos, só falta a oportunidade!!!

    ResponderExcluir
  53. Como sou Acriano, não poderia deixar de vir aqui e escrever algumas palavras em agradecimento a esse grande escritor, que nos comove com sua postura ética, criativa, simpática, amável e verdadeira. Um Grande abraço MEU AMIGO...

    ResponderExcluir
  54. O orçamento da COPA DO MUNDO, que está mais atrasada que obra de Igreja, passa de 1,7 bilhão para 25 BILHÕES! E ao mesmo tempo, seres humanos, que pagam impostos absurdos, sofrem e se desesperam diante das conseqüências de enchentes devastadoras no Acre, e só recebem auxílios que não dão pra reconstruir nem as ruas destruídas pelas águas.
    É... Talvez realmente o Brasil seja o país do futebol. E ao que podemos observar já está tão obcecado por isso que passou a preocupar – se mais com o futebol, do que com a felicidade, saúde, e segurança das pessoas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com tudo que está no texto. Nós brasileiros precisamos conhecer melhor o Brasil (e é bom lembrar que o Acre e todo o Norte, faz parte do Brasil). Felizmente eu já conheço Rio Branco. Mas confesso que foi por um acidente de percurso. Porém, antes tarde do que nunca. E só tenho elogios a fazer daquela cidade.

      Excluir
    2. Concordo com o texto. Nós brasileiros precisamos conhecer melhor o Brasil (e é bom lembrar que o Acre e o Norte faz parte do Brasil). Felizmente eu tive o prazer de conhecer Rio Branco. Confesso que foi por um acidente de percurso. Mas antes tarde do que nunca. E só tenho elogios para a cidade e para o seu povo que bravamente sabem sobrepor as dificuldades impostas pelo isolamente, principalmente das autoridades brasileiras.

      Excluir
  55. Parabéns! Fiquei veramente emocionada com esse texto. Demonstração de muita sensibilidade e respeito para com os povos desta terra. Demonstração de verdadeira brasilidade.

    ResponderExcluir
  56. Tania - Rio de Janeiro6 de março de 2012 16:17

    Parabéns pelo texto inteligente, sensível, não podia esperar nada diferente vindo de vc.
    Eu sou carioca e tive a oportunidade de conhecer Rio Branco, fiquei encantada com o povo, hospitaleiro, guerreiro, não sabiam o que fazer para me agradar, me senti em casa e acima de tudo, povo que ama a sua terra, verdadeiros brasileiros. Tania

    ResponderExcluir
  57. E ai maldito! Foi tudo bem dito! Bem legal como te referes ao Acre. Taí, se eu tivesse como, te dava uma passagem para vires aqui conhecer in loco e comprovar e ampliar essa boa imagem que descreves do Acre. Abraços

    ResponderExcluir
  58. Bom Dia!!!

    Parabens pelo texto, apesar da ignorância de outras pessoas que se situam nos grandes centros economicos que se acham o "MÁXIMO".Pois saibam que o ACRE existe, e tem pessoas trabalhadoras e guerreiras que vao para batalha do dia-a-dia. Somos o melhor lugar do País para morar....


    pense em coisas boas !!

    ResponderExcluir

O Dito pelo Maldito é um blog voltado para a literatura de contracultura . Seus textos são provocativos, críticos, cínicos e debochados, muitas vezes não tomando partido em uma questão apenas para poder agir como uma espécie de Advogado do Diabo do caso.
Na verdade um anti-blog criado para falar bem,...de tudo que você odeia.