terça-feira, 6 de março de 2012

Muita higiene faz mal pra saúde

Sério! Eu realmente acredito nisso. Não me chamem de ignorante, inimigo da ciência ou retrógrado. Eu simplesmente sou um cara que acredita que limpeza em demasia e muitos cuidados com a saúde fazem mal ao indivíduo. Torço para que um dia a ciência prove que estou certo, mas estou ciente que isso provavelmente jamais acontecerá. Mas não ligo, tenho pura convicção do que abordo neste texto.
Cheguei a esta peculiar opnião observando as pessoas que me cercam...
Aqueles que tiveram um juventude mais abastada, receberam cuidados por todos os lados e foram alimentados com tudo que o nutricionista mandava, adquiriram costumes muito irritantes e uma saúde que eu considero uma merda. É verdade que eles têm a pele limpa, os cabelos lisos e corpos musculosos, mas aposto dez contos que se um deles comer uma mão-de-vaca vai ter uma diarréia na hora. E essa diarréia será pura frescura. Essa mesma galera fala em salmonela a cada trinta segundos, lava a mão antes e depois de fazer qualquer ação e acha qualquer coisa nojenta, até mesmo uma besteira como beber no mesmo copo de um amigo. Esse povo não está preparado para o mundo real, o mundo dos botecos, dos boeiros estourados e dos espirros alheios.

Por outro lado, aqueles que comeram a mesma coisa que os adultos, jogaram bola na rua sob o Sol de meio-dia e beberam água da torneira estão estranhamente saudáveis. Comem amendoim murcho, bebem cerveja em copos sujos e consomem produtos com data de validade vencida sem nenhum tipo de problema. Gosto desse povo. Não sou nenhum especialista, só estou relatando o que observo. Se bem que eu acho que se você for perguntar o porque disso para um médico, ele fará cara de bunda e dirá que é virose... como eles sempre fazem quando não sabem qual é o problema.
Não sou louco, não defendo a imundice. Sei a infinidade de doenças que a falta de higiene pode trazer. Também sei que a falta de saneamento básico é capaz de ceifar muitas e muitas vidas. Afinal, moro às margens de uma metrópole quente, suja e fedorenta, que vive torcendo pelo menor chuvisco para vomitar líquidos escrotos de seus bueiros. É uma merda, mas você acaba se acostumando. Não me orgulho disso, acho humilhante ter que planejar onde vou apoiar meus pés a cada passo para evitar pisar em alguma poça mais escura que eu. Mas assim é a vida no grande Recife. E aposto que é assim em grande parte do Brasil. Não me entendam mal, só quero dizer que existem cuidados realmente importantes e aqueles que devem ser considerados como frescura.
Como disse uma colega minha "Quem nunca comeu um biscoito do chão não sabe o que é infância."
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
16 Comentários

16 comentários :

  1. Quem nunca bebeu água da torneira enquanto brincava esconde-esconde não sabe o que é tensão. ;D

    ResponderExcluir
  2. Minha mãe costumava nos deixar brincar com pés descalços,tomar banhos de chuva, pois acreditava que assim "criaríamos" anticorpos... =)

    ResponderExcluir
  3. Muito bom e é a mais pura verdade é preciso se diferenciar e muito higiente com frescura e além do mais uma bacteriazinha ou outra de vez em quando é bom para fortalecer (rsrs...ou matar de uma vez), o que não mata te deixa mais forte ou simplesmente te deixa mais esperto pra não pisar na bola da próxima vez, mané.
    Excelente blog! Só a título de curiosidade há um agregador de conteúdos chamado Agrega Pais, que é voltado para pais e mães (mas é tão versátil que acaba tendo audiência da família toda, pois, vai dos blogs de mães até blogs geeks ou sobre mma) uma ótima forma de divulgar seu blog para um público bem específico no geral e que está adentrando a internet e uma ótima forma de virar referência para este público.
    Julio.

    ResponderExcluir
  4. Concordo completamente. Tem gente que desde que a criança nasce, exige regras de todos os familiares e visitantes, como lavar a mão com sabão e álcool antes de pegar a criança, umas coisas que chegam ao extremo exagero. Ele cresce cercado de cuidados e tem mais problemas do que as crianças que correm descalças no meio da rua.

    ResponderExcluir
  5. olha aí!

    http://noticias.r7.com/saude/noticias/excesso-de-higiene-na-infanciaprejudica-saude-na-idade-adulta-diz-estudo-20091211.html

    ResponderExcluir
  6. meus amigos sou cirurgiao dentista e posso te dizer com certeza que higiene nos adultos nunca é de mais, porem na infacia colocar as crianças para brincar em terras, gramas e areias servira para fortalecer e adiquirir anticorpos para a sua imunidade futura.

    Agora naum vem um adulto fala q higiene demais pode ser prejudicial, isso é PORCARIA.

    ResponderExcluir
  7. Até parece que nas plantações de alface, os operários mijam em banheiros químicos e lavam as mãos todas as vezes que coçam o nariz.
    Hoje, tem que usar sabonete antibactericida, não se cria resistência. Qualquer coisinha e é isso mesmo: dá diarreia.

    Tenho horror a usar sabonete vaginal. Qualquer um serve. Tenho nojo dos manés que vão me chamar de porca nos comentários. Toma-se banho, e depois usa-se hidratante pra devolver a gordura pra pele...

    Eu costuma passar cuspe nos ralados que fazia no carrinho de rolimã; nunca precisei de mais do que isso, a cicatrização é excelente; vivia fazendo bolinhos de terra, e brincava com tatuzinhos de jardim (aquele que vira bolinha); e um amigo, chegava a engolir vários deles. Comia melancia e ficava com os braços sujos do escorrido dela. Limpava na roupa. Fazia xixi no chão para não perder a brincadeira, e sim, tomei litros infinitos de água no tanque. Até hoje tomo, aliás. Tem mesmo um sabor todo especial.

    Sou muito feliz! Tenho tantas boas e sujas lembranças!!!

    ResponderExcluir
  8. Como minha mãe já dizia: Sujou? Tem nada não.. é vitamina S (de sujo). kkkk

    concordo totalmente!

    ResponderExcluir
  9. sou médico e posso assegurar, a grosso modo, que boa parte do escrito é verdade. higiene demais debilita muitos aspectos da saúde, na medida em que remove microorganismos da flora natural do corpo e facilita a colonização e proliferação de entidades patogênicas. além disso, a exposição à determinados antígenos ambientais aumenta a eficiência do sistema imune uma vez que promove reconhecimento e ação mais imediata da defesa do organismo frente a novas agressões...
    abraços

    ResponderExcluir
  10. O ser humano se esquece que nos fazemos parte da natureza, e que quanto mais longe dela ficarmos, pior para nossa saúde, o bom mesmo e andar descalço na terra correr na chuva e não ficar com muita frescura com limpeza.

    ResponderExcluir
  11. não sei se foi levado a sério ou não mas teve até uma tese que foi apresentada dizendo que crianças que foram expostas a agentes agressivos qdo pequenas criavam imunidade a uma série de agentes alergênicos qdo adultos , como foi dito , eu comi muita bolacha que caia no chão , dava uma soprada e mandava ver , quase não lavava a mão , era meio sujinho mesmo qdo era pequeno e hoje dificilmente fico doente , em contrapartida uma prima minha que foi toda cuidada hj vive com alergias e outras coisas.

    ResponderExcluir
  12. Cara
    vai estudar, entrar em um laboratório, fazer pesquisas, ler artigos científicos antes de dizer merda.
    Não estou falando pra se viver dentro de uma bolha, mas higiene, todos devem ter, independente da idade.
    Em relação à produtos vencidos, existem uma margem de segurança, não é porque está escrito que vence x dia que ele realmente estraga, mas isso varia de acordo com o alimento.
    Uma diarréia após ingerir algum alimento contaminado TODOS estão sujeitos a ter, se o seu sistema imunológico estará em baixa ou não naquele dia e também o tipo de microorganismo (se é patológico ou não).

    ResponderExcluir
  13. sou bióloga e sei os perigos da falta de higiene, mas entendi seu ponto de vista, não é que vamos viver na sujeira, mas tem gente que dá nos nervos tenho uma amiga que não toca num cachorro nem de luvas, eu tenho uma cachorra e tudo que conto ela vem logo dizer "vc lavou as mãos?" ela NUNCA comeu um alimento oferecido, um único salgadinho, fiz quatro anos de faculdade com ela é minha amiga, mas tem hora que me sinto um porco, pq temos que deixar que ela pegue tudo primeiro pq a mão dela não pode tocar no nossos restos. Fui criada num sítio, comi frutas do pé, pisei em cocô de cachorro, tomei banho rio, a primeira vez que fui no pronto socorro pra tomar soro foi aos 19 anos. Nunca tive nenhuma doença dessas de crianças, não tenho nenhuma "ite". Claro vamos lavar as mãos antes de comer, não tocar nos olhos com mãos sujas, tomar banho todo dia,isso todos sabem, o que não podemos é deixar de viver com medo do mundo.

    ResponderExcluir
  14. Val, dá uma olhada no que a Maria S. escreveu.

    Ela parece ter o humor e conhecimento necessário para se entender o texto da forma correta.

    ResponderExcluir
  15. Esse val parece meu pai nunca deixava eu tomar raspa-raspa na praia quando eu era guri. Agora que cresci e agora não posso ver um na rua que eu compro e nunca tive nada.

    ResponderExcluir
  16. Foda é o cara chegar num Bar e pedir Frango a passarinha

    ResponderExcluir