sábado, 22 de setembro de 2012

Com vista para a praia


-Tudo bem,... Eu até topo viajar pro Rio nesse feriadão. O que eu não queria é ficar enfurnada na casa daquele seu amigo. Toda vez que a gente vai pra lá, você fica o dia inteiro no apartamento e não sai pra nada.
-Qual o problema? Você não gosta dele?
-Gosto. Claro que gosto. Ele é legal. Mas eu não tenho intimidade com ele, e vocês são amigos de longa data... Aí ficam conversando sobre os velhos tempos e eu fico lá parada presa em um tédio sem fim. Na última vez eu nem vi a cor da praia.
-Como não? O quarto que ficamos hospedados, tinha vista para a praia.
-É, e foi o mais perto que chegamos dela.
-Você sabe que eu não gosto muito de praia.
-Mas não custava nada a gente ter dado um pulinho lá. Nem que fosse pra molhar os pés na beirada da água.
-Pra que? Nem era réveillon?
-Ai que saco,... Tudo bem, a gente não precisa ir pra praia. Mas podemos ficar em um hotel enquanto estivermos por lá?
-Duvido que a gente consiga um quarto de hotel com vista para a praia por um preço que possamos pagar.
-Mas a gente não tinha desistido da praia?
-Sim. Desistimos de ir a praia. Mas a janela com ‘vista para a praia’ é algo maravilhoso, não dá pra abrir mão disso.
-Você está me enrolando. Vamos mesmo ter que ficar na casa do seu amigo?
-Eu sabia que você ia dizer isso...
-Isso o que?
-Reclamar do fato de ficarmos hospedados na casa do meu amigo.
-É mesmo? Como você sabia?
-Sempre foi assim. Todas as namoradas que eu já tive reclamavam da mesma coisa. Que eu vou pro Rio e fico o dia inteiro dentro do apartamento trocando ideia com o meu amigo.
-E você não muda?
-Claro que sim. Como pode ver, já mudei de namorada várias vezes...mas parece que a reclamação continua.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário