quinta-feira, 30 de maio de 2013

Conheça as mulheres do Clube da Leitura dos peitos de fora

Um pequeno grupo de jovens mulheres de Nova York decidiu se reunir em parques da cidade simplesmente para ler romances policiais ao estilo pulp fiction da virada do século passado, e outras obras. 
A primeira vista seria mais uma atividade em grupo comum. Seria,... Caso as leitoras em questão não optassem por ler seus livros favoritos de topless.

Há muitas maneiras de se ler um livro, e uma delas é o de fazê-lo com os peitos de fora. Essa, pelo menos, parece ser a premissa por trás do Topless Pulp Fiction Club, que já começa a conquistar espaço e se destacar dentre os movimentos culturais da maior cidade do mundo:
"Uma amiga e eu, decidimos começar um grupo para tirar proveito dos direitos legais que já tínhamos, mas não estávamos usando", diz a co-fundadora do grupo.

A prática do Topless é algo permitido de acordo com as leis de Nova York, e integra-la com a prática da leitura é no mínimo divertido, de acordo com a idealizadora do grupo, que considera o clube uma celebração da liberdade de uma mulher poder ler um livro com os seios nus. Um lembrete de que nem toda nudez tem que ser lasciva, sexual, e nem mesmo castigada.
O grupo, composto apenas por mulheres, explica que a intenção é desfrutar da mesma liberdade dos homens, que podem recostar livremente na grama dos parques da cidade sem camisa, despreocupados em expor seus peitos, sejam eles pálidos, flácidos, cabeludo, tatuado ou alguma combinação grotesca de todos os itens acima.

Quanto a escolha do gênero de leitura do clube, elas esclarecem , "Pulp Fiction é divertido porque é um dos poucos gêneros em que as mulheres nas capas dos livros podem estar usando menos roupa que nós."
Um grupo de leitura formado por lindas mulheres semi-nuas ao ar livre em um parque público é a certeza de atrair olhares, mas a fundadora do clube diz que este é o menor dos problemas, explicando que os nova-iorquinos são um povo muito mundano para ser parado em suas rotinas pelas simples visão de um seio nu. 
"Nós temos tido mais comentários positivos de mulheres dizendo 'Vocês são maravilhosas' e 'Eu gostaria de poder fazer isso', do que temos vaias dos homens.", afirma ela.

Antes que importemos essa ideia para terras tupiniquins, acho que vale a pena tirar algumas dúvidas em questão.
Quais os autores brasileiros que funcionariam em um clube desse tipo?
Um clube assim sobreviveria fora do período do carnaval?
E o mais importante,... Em uma versão nacional, as mulheres leriam os livros de bunda de fora?
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário