quinta-feira, 1 de agosto de 2013

The Walking Dead - o Caminho para Woodbury

Bom, enquanto estamos nessa entre-safra de séries esperando a próxima temporada de The Walking Dead, o jeito é mesmo ir saciando a ansiedade com o universo expandido apresentado em outras mídias. E foi exatamente o que eu fiz com o segundo livro interligado a saga de zumbis de Robert Kirkman. Lembrando que o primeiro, 'A Ascensão do Governador', já foi resenhado aqui no blog e na ocasião revelou-se uma excelente leitura, boa o suficiente para que eu iniciasse a leitura de 'The Walking Dead - o Caminho para Woodbury' (Editora Record, 336 páginas) com as mais altas expectativas.
Nessa outra visão da infestação, acompanhamos um novo grupo formado por personagens totalmente inéditos em publicações anteriores, que através de suas próprias desgraças acabam chegando a cidade de Woodbury desavisados sobre a crescente insanidade do déspota que comanda o lugar. Cronologicamente dentro da saga, essa história ocorre logo após o seu livro antecessor e bem antes de qualquer contato entre Rick e seus amigos com o Governador.

Infelizmente desta vez parece que o autor não conseguiu criar personagens carismáticos como são os da series de TV e HQ (e até o do game), e você acaba simplesmente não se importando com eles, tornando os primeiros capítulos desimportantes. Um pequeno arco triste é criado para dar um pouco de profundidade aos personagens e te convencer que aqueles sobreviventes valem a pena serem salvos,... Mas sinceramente, tudo fica muito raso, forçado e isso não acontece. Nessa parte eu só ficava pensando quando eles chegariam logo na cidade para ver que tipo de atrocidades sofreriam. 
E claro, para descobrir a quanto andava o nível de loucura do Governador.

Nesse ponto alguns leitores podem acabar um pouco desorientado tentando saber quem são os protagonistas afinal, os membros do grupo que se dissolve aos poucos absorvidos pela corrupção eminente na cidade, ou o Governador. Se você for por esse caminho, vai acabar tendo uma péssima experiencia.
Pense que o enredo é sobre o desenvolvimento e fortificação de Woodbury. Você vai descobrir detalhes de sua fundação e conhecer um pouco mais das duras leis que a regem. E paramos por aí. Não se apegue e nem espere demais dos pseudo-protagonistas, pois eles são totalmente descartáveis, é um tanto óbvio que suas biografias não passariam dali.
"E o Governador?", você me pergunta... Essa é a maior decepção dessa obra. A trama pouco, ou em nada, acrescenta na história desse incrível personagem. O livro até que tenta dar certa relevância dramática em suas participações, mas para uma narrativa que ocorre antes aos acontecimentos dos quadrinhos, sabemos que não se pode esperar grandes mudanças no passado desse tirano.

Apesar de não contribuir de forma significativa para o universo de The Walking Dead, 'O Caminho para Woodbury' ainda é uma boa leitura sobre o tema e acho que deve funcionar bem melhor com alguém que não conheça, ou que não seja tão ligado, ao que já foi produzido ligado a franquia.

Se você quiser sobreviver a mais esse ataques de zumbis, clique agora no banner abaixo da nossa parceira Saraiva e compre o seu exemplar por um preço morto-vivo!
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário