quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Reflexões de um Liquidificador

Reflexões de um Liquidificador
Diretor: André Klotzel Roteiro: José Antônio de Souza
Ano: 2010
País: Brasil
Atores: Marcos Cesana, Germano Haiut, Ana Lúcia Torre

Esperava qualquer coisa deste filme, menos o que ele é. E isso é excelente!
Reflexões de um Liquidificador apresenta a vida do casal de idosos Onofre e Elvira, moradores do subúrbio paulistano que, devido às dificuldades do dia a dia, fecham o bar onde trabalharam por bastante tempo. Na falta de trabalho e dinheiro, Onofre passa a trabalhar como vigia noturno enquanto Elvira passa maior parte do tempo sozinha em casa, arrumando as coisas e solitariamente vivendo para o marido. Estaria totalmente sozinha se não fosse pelas visitas de uma jovem e safada vizinha e um carteiro que, sempre que pode, toma uma vitamina feita pela idosa.
Após quebrar a perna enquanto ia ao quintal e obrigada a permanecer sem andar por uns bons dias, Elvira retoma um passatempo há muito esquecido: Taxidermia. Que nada mais é que a arte de empalhar, ofício de seu pai, o qual aprendeu ainda garota.
E em meio a esses dia-a-dia solitários e de espera constante, uma narração bastante incomum. Os pensamentos de um liquidificador. Vida, comportamento humano, liberdade e tudo mais que presenciou desde o início de sua existência até quando, solitário, em cima da geladeira de Elvira.
Excesso de solidão ou não, chega um momento em que refletir somente não parece mais sacia-lo e, por isso, começa a conversar com a idosa que, como a maioria, acredita estar caduca. Afinal, não são espíritos nem nada do gênero, mas sim um liquidificador. E tal ato está longe de ser sinônimo de lucidez. E do susto inicial, os dois caminham para uma enorme cumplicidade.
Daí em diante, o filme que mais parecia um drama sobre solidão muda bruscamente, transformando-se numa história de humor negro guiada por uma excelente trilha sonora.

Resquícios de uma pornochanchada esquecida permeiam os diálogos do estranho investigador e as ações da vizinha de Elvira, o “excesso de trabalho” do marido e a cumplicidade crescente entre Elvira e o liquidificador em meio aos curiosos e mórbidos detalhes que contribuem para a história transformam Reflexões de um Liquidificador num simples e eficiente filme, como uma excelente adaptação de um conto com doses equilibradas de humor negro e seriedade, além da excelente atuação de Ana Lúcia Torre. Para quem ainda gosta de bater o pé e dizer que o cinema brasileiro é somente putaria, violência ou nordeste... (Sim, muitos ainda acham isso) fica este como dica.
Obs: A "voz" do objeto é um tanto quanto conhecida.
E qual o pensamento que tirei sobre?
Quando você menos espera, é surpreendido.

Em 2011 concorreu ao prêmio Contigo Cinema, nas categorias Melhor Atriz e Melhor Roteiro.
Você assiste o filme completo no vídeo abaixo:
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário