quinta-feira, 9 de outubro de 2014

Os 10 Melhores eBooks grátis para o Kobo

Eu resisti o quanto pude, mas aos poucos também venho cedendo a pressão digital dos eBooks e caminhando em curtos passos em direção a essa inevitável evolução literária. Na verdade, eu ainda duvido muito que um maquinado e-reader possa substituir o meu prazer de ostentar para as visitas uma estante com as prateleiras recheadas de livros, mas confesso que toda a agilidade proporcionada pelos eBooks facilita muito meu trabalho com a literatura.
Por conveniência, os livros e leitores digitais foram o tema do último Encontro de Blogs de Letras idealizado pela Cássia Carrenho do Publishnews e pelo Sérgio Pavarini do Pavablog, no qual tive o prazer de participar. O evento contou com o apoio da Kobo e da editora digital E-Galáxia que designaram representantes que renderam longas horas de um interessante bate papo sobre o assunto. 
Para quem ainda não conhece, a Kobo é líder mundial em eReading e oferece plataformas de alto nível para os apaixonadas pela leitura, oferecendo a melhor experiência de leitura digital a milhões de usuários em 190 países, com um catálogos contendo milhões de títulos.

Se, assim como eu, você ainda está galgando os primeiros degraus dessa novidade (que já nem é tão nova assim), o DpM vai te ajudar nessa empreitada listando aqui alguns dos livros grátis mais interessantes disponíveis gratuitamente na loja da Kobo que podem ser abaixados pelo site da Livraria Cultura devido a uma excelente parceria entre ambas as empresas, mas que podem ser lidos nas mais diversas plataformas. 
Pena que a maioria das obras disponíveis em língua portuguesa sejam de autores portugueses, mas não deixa de ser uma excelente oportunidade de conhecer a literatura dos nossos patrícios.

✔ A Pátria de Chuteiras, de Nelson Rodrigues
Eu tenho uma edição física desse livro e fiquei muito feliz em saber que existe uma versão digital gratuita, além do fato de ser uma obra do incrível Nelson Rodrigues, portanto indispensável para qualquer leitor.
“Já descobrimos o Brasil e não todo o Brasil. Ainda há muito Brasil para descobrir. Não há de ser num relance, num vago e distraído olhar, que vamos sentir todo o Brasil. Este país é uma descoberta contínua e deslumbrante.” .Nelson Rodrigues marcou um lugar indiscutível, revolucionário no teatro. No entanto, o Nelson cronista, o comentarista de futebol, não é menos importante. Nelson Rodrigues foi o escritor brasileiro que “leu”, “releu” nosso país pelo campo, pela bola, pelos craques. Ele viu e compreendeu, antes de todos, a grandiosidade da nossa pátria. Defendeu a nação com uma paixão pura. “Anunciou”, “promoveu”, “profetizou” a força do Brasil.

✔ Destrua-me, de  Tahereh Mafi
Uma história contada do ponto de vista de Warner; o cruel líder do setor 45Os fãs de Estilhaça-me e Liberta-me não podem deixar de ler este livro escrito por Tahereh Mafi logo após o lançamento de Estilhaça-me e disponibilizado exclusivamente em e-book.
Destrua-me é uma história contada do ponto de vista de Warner; o cruel líder do Setor 45. Em Estilhaça-me; Juliette escapou do Restabelecimento ao seduzir Warner — e disparar uma bala em seu ombro. No entanto; conforme ela compreenderá em Destrua-me; não é tão fácil assim se livrar de Warner…De volta à base; após sua recuperação do grave ferimento; Warner precisa fazer de tudo para manter seus soldados a postos e reprimir qualquer menção de rebelião no setor. Ainda muito obcecado por Juliette; sua prioridade é trazê-la de volta e se livrar dos dois traidores que a ajudaram a escapar. No entanto; quando o pai de Warner; o Comandante Supremo do Restabelecimento; aparece para corrigir os erros do filho; fica claro que tem planos muito diferentes para Juliette. Planos que Warner simplesmente não pode permitir.

✔ Máfia do Norte, de Luis Portas
Um assassinato na noite do Porto abala os corredores dos serviços secretos Portugueses. As investigações indicam grupos criminosos de leste como possíveis culpados, porém não conseguem desenvolver uma incriminação plausível. Impossibilitados de combater a nova ameaça que se alastra descontroladamente, são obrigados a chamar o nobre Henrique de Guerra. A sua missão: infiltrar-se na poderosa Máfia da noite que opera impunemente nas ruas Portuenses, controlando clubes noturnos e seguranças privados. 
Ao enfrentar perigo mortal Henrique desvenda uma conspiração que coloca toda a Europa em perigo. Infiltrado e sem contato com a equipa militar de apoio, vê-se forçado a lutar pela sua própria sobrevivência.

✔ Contos Macabros - Os Tres Lobinhos, de Fabio Yabu 
Publicado originalmente na coletânea "Branca dos mortos e os setes zumbis e outros contos macabros", de Fábio Yabu. Nesta obra o autor resgata a tradição clássica dos contos de fadas dos irmãos Grimm e de Hans Christian Andersen, onde as histórias, mais que um simples entretenimento, servem como lições para moldar o caráter das crianças, na maior parte das vezes por meio do medo. Aqui, não há meias-palavras nem eufemismos. O mundo encantado de Yabu é atormentado, sombrio e com altas doses de tensão sexual.Os contos seguem o mote de sucessos da televisão atual, como as séries Grimm e Once Upon a Time. Protagonizadas por personagens dos contos de fadas, revelam facetas nunca antes imaginadas de suas personalidades. 
Três irmãos lobos, rebeldes e corajosos, resgatam seu instinto predador para enfrentar a seleção natural da espécie que vem extinguindo sua raça. Eles querem o poder de volta.

✔ Delegado Tobias 4, de Ricardo Lisias
Quarta parte do folhetim online “Delegado Tobias”. Justiça coloca um ponto final no mistério e decide: “Caso Lísias é realidade”. Delegado Tobias comemora: “autoficção!”. Ricardo Lísias é considerado foragido. Escritores, críticos literários e jornalistas aparecem como personagens nessa narrativa cheia de humor e mistério, que coloca em questão o próprio entendimento da criação literária neste início de século XXI. 
Ganhador do Prêmio APCA de 2012 com “O céu dos suicidas”, um dos 20 autores jovens selecionados pela prestigiosa revista Granta, Ricardo Lísias situa-se entre os melhores escritores brasileiros das novas gerações. Seu romance “Divórcio” alcançou grande repercussão. É mestre em teoria literária pela Unicamp e doutor em literatura brasileira pela USP. Lançou pela e-galáxia “Intervenções: álbum de crítica”, que reúne seus trabalhos de crítica e intervenção no espaço público nos últimos quinze anos.

✔ A Linha Recta do Corvo, de Manuel Alves
Lince teria uma vida relativamente despreocupada se não fosse a pequena questão de ser perseguido por assassinos, e tudo só porque chateou certas pessoas por ter testemunhado algo que não devia. 
Felizmente, os corvos avisavam Lince sempre que um assassino se aproximava. Infelizmente, os corvos não o ajudavam a escapar. Uma boa maneira de matar um assassino é tornar-se um assassino melhor. Pelo menos, foi o que Lince pensou.
Recheado de uma certa dose de humor negro do início ao fim, bem como as expressões irônicas e sarcásticas que povoam os diálogos entre Lince e os seus opositores levam-nos a sorrir ao longo de todo o texto. Uma leitura fácil e agradável.


ZUMBIS: Terror no Hospital, de Oafson Samurn
Um hospital interditado pelas autoridades, funcionários e pacientes presos com criaturas sedentas de sangue. A praga se alastra enquanto pessoas buscam uma saída deste cenário de horror. Acompanhe esta história de terror e ação através da perspectiva de diferentes personagens. Esta obra é sobre o tema fascinante que tem inspirado muitos livros, jogos, filmes, séries, e que coloca o ser humano como vilão e principal predador de sua própria espécie.
Terror no Hospital é o primeiro livro da série Zumbis, que apresenta a narrativa focada na experiência individual de cada personagens. "...fui agarrado pelos pés e mordido na panturrilha, o local queimava como se estivesse em brasas, desesperadamente tentei me movimentar, mas, a mulher quase arrancou um pedaço do músculo, a dor era lacerante, minou todas as minhas forças, o extintor caiu de minhas mãos, já não conseguia enxergar nada, não pensava, tudo era dor, a sensação de queimação percorria todo meu corpo como se meu sangue estivesse em ebulição, senti as pernas enfraquecendo quando ouvi um som forte, um tiro..." 

Complexo de Golconda, de Pedro Martins
Libsterdam é a capital do pleno emprego. Uma cidade moderna, onde os trabalhadores se deslocam em jetpacks por corredores aéreos que ligam todos os pontos da cidade. Não há défice nem doença econômica, mas um grande mal assola a população da grande metrópole. Uma psicose epidêmica, diagnosticada como o “Complexo de Golconda”. É uma bizarra disfunção do ego que torna os cidadãos de Libsterdam depressivos e obcecados pelo fato de só terem uma vida na qual se vêem reduzidos a um escasso percurso talhado por um número finito de escolhas. De acordo com alguns especialistas, a depressão seria apenas o primeiro estágio, ao qual se seguiria a propensão para a violência coletiva. Felizmente há uma empresa, a Öniröm, que, em cooperação com o poder central, controla a propagação desta patologia urbana, ministrando a cada cidadão a possibilidade de se desdobrar em infinitas vidas paralelas. Nesta empresa trabalha Axel van Droom, um homem que, aparentemente, vivia bem com as suas escolhas, até ao dia em que um atentado, deflagrado por uma seita anti-öniröm, acontece em pleno centro de Libsterdam

A Trilha, de A.V. Seixas
Depois de passar os últimos anos em desventuras viajando pelo mundo, Alexis Vienna e sua mãe se estabelecem na preservada capital inglesa.
Após uma noite de cinema com os amigos, Alexis se vê no lugar mais improvável possível: A Floresta Amazônica.
Desaparecimentos e mortes inexplicáveis cercam o mistério por trás de sua nova estada no Brasil, onde ela terá que lidar com a outra parte de sua família e com os fantasmas de seu passado.
Esse seria o primeiro volume da Saga Linear, publicada de forma independente pelo autor.

Aldedaros, de Mike Brandish
As sombras podem acobertar nossos medos e inseguranças, e assim pode nos manter seguros na ignorância do que se esconde nas trevas.
Será que poderíamos continuar nossas vidas normalmente após olhar diretamente no rosto do mal e encarar seus olhos sinistros? 
Descubra o que causou o desaparecimento de Dave Newster, um homem comum atrás de diversão que encontra bem mais do que planejava.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário

O Dito pelo Maldito é um blog voltado para a literatura de contracultura . Seus textos são provocativos, críticos, cínicos e debochados, muitas vezes não tomando partido em uma questão apenas para poder agir como uma espécie de Advogado do Diabo do caso.
Na verdade um anti-blog criado para falar bem,...de tudo que você odeia.