quarta-feira, 12 de novembro de 2014

A Maldição do Cinema - Subconscious Cruelty

Subconsciou Cruelty
Diretor: Karim Hussain
Roteiro: Karim Hussain
Ano: 2000
País: Canadá
Atores: Brea Asher, Ivaylo Founev, Eric Pettigrew

Quando o assisti, logo após o término, permaneci um tempo sentado no chão, pensando na péssima viagem por ele proporcionada e esperando passar o gosto ruim que permaneceu na boca. Que filme é esse? O que escrever sobre? Por que alguém o filmou? Resumindo numa só pergunta: Como é possível que alguém tenha conseguido realiza-lo? Trata-se de um daqueles trabalhos que, se você não assiste, jamais acreditará que existe. Mas é impossível sair ileso dele, portanto, pessoas sensíveis, gestantes e muitos outros, mantenham-se distantes dessa obra.
Subconsciou Cruelty é bizarro, grotesco, perturbador, chocante e sinceramente, não vejo por quê em sua existência. Diferente de Begotten (Que logo será apresentado), Subconscious não traz nada além de aflição e mal estar.
Minha leitura é de que este filme, dividido em três partes, apresenta uma grande viagem pelas profundezas da mente de um assassino, de uma pessoa perturbada capaz de matar alguém. Sonhos, pensamentos e pesadelos de uma pessoa desajustada e perigosa. Uma sucessão de acontecimentos e imagens bizarras que causam repugnância.
Considerado por muitos como um dos filmes mais grotescos já realizados, foi censurado e banido em quase todos os países onde foi exibido. Realmente é necessário ter estômago forte para assisti-lo. Alguns dizem que existe uma aura de misticismo ao seu redor. Para mim, se você tem apreço por esse tipo de trabalho, aconselho a procurar ajuda psicológica.

Mas fica a pergunta, qual o objetivo de um filme como este? Como ninguém é obrigado a assisti-lo, que o diretor e os demais sejam livres pra produzir o que bem entenderem.
Particularmente não é o tipo de filme que procuro, o guardo como parte da minha coleção, jamais o reassistiria. Assista por sua conta e risco.
Na íntegra e legendado para você. Boa sorte.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário