terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

O amor não é um conto de fadas

Dormir com a Fany não é algo glamoroso, mas é verdadeiro, porque quando ela peida embaixo dos lençóis é como se me dissesse que não acredita em contos de fadas. E se tem uma coisa que eu evito, é dormir com alguém que almeja viver relacionamentos com cara de contos de fadas, afinal de contas, essa porra realmente não existe.
Gosto de olhar pra ela e sacar que não tenta me enganar dizendo que caga bombons e peida rosas, entende? É isso, porque toda e qualquer ilusão arrasa a sua vida, então, é sensato ficar longe de tudo isso pra sua própria saúde mental.
Um homem com sua saúde mental avariada comete uma bobagem em cima da outra e quem se quebra todo é o babaca que acredita nessa melação toda. E se tem um bagulho que não cabe pra um homem como eu é viver com as cuecas meladas de sonhos doces achando que o mundo é um moranguinho que não está mofado.
Sei que posso parecer um filho da mãe dizendo uma porra dessas, mas é a mais absoluta verdade. O amor é como uma rosa cheia de espinhos. Cheirar a rosa pode fazer muito bem depois da terceira cerveja, mas segurá-la em suas mãos durante todo o tempo arranca sangue dos seus dedos e depois disso todo mundo se machuca.
É por isso que peidar embaixo dos lençóis depois de uma boa trepada é tão libertador. Assim todo mundo goza e pode seguir a sua vida sem disfarces, traumas ou corações quebrados enquanto o relógio pregado na parede não para de correr e a morte espreita. A vida é muito curta pra achar que uma boa história de amor só acontece quando uma princesa e um príncipe tão encantado quanto ela dormem juntos.
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário