quinta-feira, 25 de junho de 2015

38 Bandas de rock 'perigosas' que foram proibidas pelo comunismo da União Soviética

A música é um instrumento perigoso e poderoso, e sabendo usá-la, ela também pode ser uma temida arma política. Todos os regimes autoritários sempre reconheceram esse fato, e pela sua fácil compreensão e propagação, não é à toa que este segmento artístico seja um dos primeiros a sofrer com a censura em qualquer situação de autoritarismo. 
Quando foi derrubado o Muro de Berlim, uma das maiores aflições do lado oriental naquele momento, era justamente o medo soviético do 'mal' que a música ocidental poderia causar na população. Especialmente em relação ao punk, rock e metal. Imaginar aquelas pessoas em pânico, tratando como pragas divinas as bandas que saíamos para curtir no final de semana, além de ridículo e anacrônico, parece bem paranoico.
A lista abaixo foi publicada em 1985 pela Komsomol, uma organização da juventude comunista soviética. Formada por quase quarenta bandas que variam entre punk, rock, metal disco e new wave, que eram proibidas aos jovens comunistas, a lista era impressa e distribuída nos centros juvenis da época. Em plena Guerra Fria, o repressivo estado da União Soviética fazia constantes tentativas de censurar qualquer coisa que fosse fabricada pelos americanos e seus aliados.

A lista abusa de termos obtusos para justificar o seu veto, acusando bandas como Black Sabbath e Iron Maiden de 'violência' e 'obscurantismo religioso'. Outros artistas precisaram somente da palavra 'sexo' para entrar nessa lista de cortes. Outros músicos como Sex Pistols, The Clash e Ramones foram embargados apenas pela acusação de serem 'punk'. E até mesmo os nossos queridos Julio Iglesias e Village People foram proibidos pelos comunistas, talvez, com medo de que o pessoal soltasse a franga e perdesse a compostura diante da ditadura soviética. 
Confira abaixo!

1. Sex Pistols: punk, violência
2. B-52s: punk, violência
3. Madness: punk, violência
4. Clash: punk, violência
5. Stranglers: punk, violência
6. Kiss: neofascismo, punk, violência
7. Crocus: violência, culto a personalidade individualista
8. Styx: violência, vandalismo
9. Iron Maiden: violênciaobscurantismo religioso
10. Judas Priest: anticomunista,
11. AC/DC: neofascismo, violência
12. Sparks: neofascismo
13. Black Sabbath: violênciaobscurantismo religioso
14. Alice Cooper: violência, vandalismo
15. Nazareth: violência, misticismo religioso
16. Scorpions: violência
17. Gengis Khan: anticomunista, nacionalista
18. UFO: violência
19. Pink Floyd (1983): distorção da política externa soviética
20. Talking Heads: mito da ameaça militar soviética
21. Perron: erotismo
22. Bohannon: erotismo
23. Originals: sexo
24. Donna Summer: erotismo
25. Tina Turner: sexo
26. Junior English: sexo
27. Canned Heat: homossexualismo
28. Munich Machine: erotismo
29. Ramones: punk
30. Van Halen: propaganda anti-soviética
31. Julio Iglesias: neofascismo
32. Yazoo: punk, violência
33. Depeche Mode: punk, violência
34. Village People: violência
35. Ten CC: neofascismo
36. Stooges: violência
37. Boys: punk, violência
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
2 Comentários

2 comentários :

  1. Sou muito do mal!!!!
    Gosto de quase todas essas bandas ♥

    Bjksss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse comentário foi errado, rsrs. Não vi que estava no do Pedro. hahaha

      Sou eu aqui!! Lelê!!

      Bjkssss

      Excluir