segunda-feira, 8 de junho de 2015

Elementos da cultura pop que influenciaram o universo de Star Wars

Hoje em dia Star Wars tornou-se uma referência tão forte para tantas vertentes da cultura pop, que chega ser estranho imaginar que um dia este universo também buscou suas próprias inspirações dentro desta mesma cultura que agora o venera. Mas a verdade é que artistas e escritores não criam suas obras a partir do nada. Conscientemente ou não, todo mundo é casualmente inspirado por uma série de fontes externas, e com George Lucas não foi diferente.

Diferente de outros artistas, Lucas nunca teve problema em revelar ao público quais foram as influencias que o levaram a criar o universo de Star Wars quando jovem. Abaixo reunimos algumas dessas inspirações que ajudaram a formar a maior franquia cinematográfica de todos os tempos.

Tatooine 
foi inspirada em Arrakis, do livro Duna
Muitas vezes Lucas admitiu que a série Duna, de Frank Herbert, foi uma forte influência enquanto ele escrevia Uma Nova Esperança. Os primeiros rascunhos do script incluía batalhas entre casas seculares, e quando a Princesa Leia foi capturada, ela não estaria contrabandeando os planos para a Estrela da Morte, e sim, algum tipo de 'especiarias'.
E não é difícil traçar paralelos ao longo de todo o filme. Tanto os rebeldes de Lucas quanto os de Herbert estão em uma batalha contra um império liderado por um déspota maligno. O veículo que os Jawas dirigem, os Sandcrawlers, tem o mesmo nome dos veículos de mineração usados em Arrakis. O nome da Princesa Leia é quase idêntico a do personagem Princesa Alia de Duna. Jabba the Hutt, senhor do crime de Tatooine, é notavelmente semelhante a Leto Atreides II. Os Vermes da Areia de Herbert são a nítida base de criação para o Sarlacc de O Retorno de Jedi. E claro, ambos, Tatooine e Arrakis, são planetas forrados por desertos.
Mesmo as religiões existentes em Duna e Star Wars são semelhantes. A irmandade conhecida como Bene Gesserit de Duna, é bem semelhantes aos Jedi, e tanto Paul Atreides quanto Luke Skywalker herdaram seus poderes através de seus pais (Paul através de sua mãe, Lady Jessica, e Luke através de seu pai, Anakin Skywalker).
Duna, de Frank Herbert : A vida do jovem Paul Atreides está prestes a mudar radicalmente. Após a visita de uma mulher misteriosa, ele é obrigado a deixar seu planeta natal para sobreviver ao ambiente árido e severo de arrakis, o planeta deserto. Envolvido numa intrincada teia política e religiosa, Paul divide-se entre as obrigações de herdeiro e seu treinamento nas doutrinas secretas de uma antiga irmandade, que vê nele a esperança de realização de um plano urdido há séculos.  Ecos de profecias ancestrais também o cercam entre os nativos de arrakis. Seria ele o eleito que tornaria viáveis seus sonhos e planos ocultos? Ao lado das trilogias fundação, de Isaac Asimov, e o senhor dos anéis, de J. R. R. Tolkien, duna é considerada uma das maiores obras de fantasia e ficção científica de todos os tempos (Editora Aleph). 
Compre 'Duna' na Submarino

Imperador Palpatine 
foi inspirado em Ming, o impiedoso, da série Flash Gordon
Lucas afirmou muitas vezes que Star Wars evoluiu a partir de um desejo de refazer o clássico Flash GordonInfelizmente, a licença não estava disponível, mas a influência da série é facilmente observada na obra de Lucas.
As duas produções são óperas espaciais repletas de lasers, naves espaciais, e protagonistas rebeldes que lutam contra um tirano. O Imperador Palpatine tem o mesmo gosto para tronos e roupas de mangas folgadas de Ming, o Impiedoso, além de compartilhar o mesmo penteado careca. Mongo, o planeta errante de Ming, também viajou pela galáxia destruindo outros planetas, assim como a Estrela da Morte de Palpatine.
E as semelhanças não param por aí. A famosa imagem do texto rolando para cima e sumindo no infinito no início de cada filme, veio diretamente de Flash Gordon Conquers the Universe, de 1940. Em O Império Contra-Ataca conhecemos a Cidade das Nuvens, um posto avançado e uma colônia de mineração gasosa do planeta Bespin. E Flash Gordon também viajou para uma Cidade Nuvem em uma de suas aventuras, além de visitar uma metrópole subaquática que lembra muito a cidade Gungan de A Ameaça Fantasma.

Darth Vader
foi inspirado em The Lightning, de The Fighting Devil Dogs
Lucas amava as antigas séries de aventura da década de 30, e um dos primeiros vilões fantasiados do cinema foi The Lightning, que apareceu no capítulo 12 da série The Fighting Devil Dogs (1938). 
The Lightning usava um traje preto de couro , luvas, capacete, e uma capa, os mesmos elementos que marcam a figura de Darth Vader, embora Lucas nunca tenha confirmado isso oficialmente. Ambos, Vader e The Lightning, lideravam asseclas que usavam armaduras de capacetes brancos.

Princesa Leia 
foi inspirada em Dejah Thoris, da série de livros John Carter
Quando desistiu de tentar comprar os direitos de Flash Gordon, Lucas começou a pesquisar onde Alex Raymond, o criador de Flash Gordon, teria conseguido a ideia para a sua criação,... Conclusão, nas obras de Edgar Rice Burroughs, principalmente a série de livros de John Carter.
É claro que, enquanto pesquisava, Lucas já trabalhava nas suas próprias ideias a partir do que absorvia. Enquanto a personalidade de Deja Thoris é bem diferente da de Leia, Thoris gostava de usar biquínis metálicos dourados, um equipamento que ficou bem famoso vestindo a Leia. A plataforma do deserto do Jabba é bem parecida com os flutuadores que pairam acima das dunas de areia de Marte nas obras de Burroughs.
Lutas que culminam em desmembramento são outra ocorrência frequente nos livros de John Carter, e ao todo, quatro lutas dos seis filmes de Star Wars resultam em membros decepados (cinco, se você contar o fatiamento do Darth Maul). Além disso, ainda tem o vocabulário que Lucas saqueou de Burroughs. A palavra "Jed" que representa a realeza marciana, tem semelhanças óbvias com "Jedi". E "Padwars" que são oficiais de baixa patente, deu origem aos "padawans", que são aprendizes Jedi. E enquanto os Sith são insetos marcianos viciosos nos livros de Burroughs, eles são os antagonistas malditos do universo de Lucas.
Uma Princesa de Marte, de Edgar Rice Burroughs : O capitão John Carter, combatente do exército confederado, tenta recomeçar sua vida após perder tudo o que possuía com o fim da Guerra Civil Americana. Ele só não poderia imaginar que seu caminho o levaria a terras desconhecidas em outro planeta. Apesar da aparência inóspita, Marte é repleto de vida, com uma flora peculiar e fauna diversificada, habitada por estranhas raças constantemente em guerra umas com as outras. Capturado pelos temíveis tharks, John Carter luta por sua liberdade e busca conquistar o amor de Dejah Thoris, princesa de Helium. Numa jornada repleta de contratempos, ele se envolve em disputas entre as diversas tribos de Barsoom, fazendo poderosos inimigos e ganhando a confiança de importantes aliados (Editora Aleph). 

C-3PO e R2-D2
foram inspirados em Tahei E Matashichi, de A Fortaleza Escondida
Akira Kurosawa é considerado um dos cineastas mais influentes da história do cinema, e é notória a influência da aventura cômica A Fortaleza Escondida de Kurosawa na obra de Lucas, principalmente em Uma Nova Esperança. Em 1973, em uma sinopse para Star Wars, Lucas escreveu que tinha a intenção de fazer uma versão de ficção científica dos filmes de samurais de Kurosawa, citando A Fortaleza Escondida em particular. 
A Fortaleza Escondida conta a saga de dois camponeses, Tahei e Matashichi que fogem da destruição causada por uma batalha. No caminho, eles encontram o general Rokurota Makabe que está escoltando a princesa de uma família nobre e suas riquezas para um lugar seguro. Os camponeses passam a acompanhar o general e a princesa, pensando em roubar o ouro. Um camponês é alto e o outro baixo. Soa familiar? Lucas disse que usou Tahei e Matashichi para formar as personalidades de C-3PO e R2-D2, utilizando a dupla como alívio cômico.

Obi Wan Kenobi
foi inspirado em Gandalf, de O Senhor dos Anéis
Como os criadores de dois dos maiores mundos mitológicos do século 20, Lucas e JRR Tolkien são frequentemente comparados. Pessoalmente eles não são nada parecidos, mas ambos são amantes de histórias heroicas épicas. Tolkien buscou inspiração na literatura clássica como Beowulf e O Rei Arthur, enquanto Lucas foi inspirado pela cultura pop, filmes e histórias em quadrinhos.
Em primeiro lugar, existe as similaridades superficiais: lutas de espada, princesas, e habilidades mágicas. Enquanto Tolkien escreveu seu épico como um único livro (que o editor decidiu quebrar em uma trilogia), a estrutura de episódios de Lucas (que ele também afirma ter escrito tudo ao mesmo tempo) é notavelmente similar aos livros de Tolkien. No primeiro filme/livro eles reúnem os heróis e lhe dão uma missão. O segundo divide os heróis em duas equipes que precisam seguir em destinos diferentes. E no terceiro chegamos até a batalha final entre os heróis e um inimigo aparentemente invencível, resultando em sacrifício. Até mesmo os nomes que fecham as trilogias são parecidos: O Retorno do Rei e O Retorno de Jedi. 
E há as semelhanças marcantes entre Obi Wan Kenobi e Gandalf . Ambos são velhos sábios de barba que usam capuz e vestes cinzentas. Os dois carregam espadas que brilham em azul e são vencidos por antagonistas (Darth Vader e Balrog), que empunham armas que brilham em vermelho. E tanto Kenobi quanto Gandalf se sacrificam pelos outros heróis, para depois retornar dos mortos.

Planeta Coruscant
foi inspirado em Trantor, de Fundação
Na trama original de Uma Nova Esperança, Lucas planejava levar o público até a capital do império que cobriria todo um planeta chamado Jhantor, uma clara homenagem a uma das primeiras cidades de outro planeta da ficção científica, Trantor, da obra de Isaac Asimov
Primeiro Asimov apresenta o seu planeta em uma história curta, e mais tarde ele acabou desempenhando um papel proeminente na sua série Fundação. Limitado pela tecnologia de efeitos especiais da década de 1970, Lucas acabou deixando Jhantor fora do script, mas a ideia acabou ressurgindo em prequels como o planeta-cidade Coruscant. Ambos, Coruscant e Trantor, são uma ecumenópole, um planeta totalmente urbanizado. Não existe oceanos, montanhas, ou parques. O clima é tecnologicamente controlado, e praticamente tudo que é necessário para sustentar sua população precisa ser importado.
Prelúdio à Fundação, de Isaac Asimov: O Império Galáctico é uma extraordinária conquista da humanidade. Seu domínio se estende por 25 milhões de mundos. Trantor, sua capital, é uma gigantesca metrópole povoada por 40 bilhões de habitantes. Um deles, no entanto, está destinado a transcender sua própria existência, embora não tenha consciência disso. Ele é Hari Seldon. Seu feito, a criação uma nova ciência que pode antecipar o comportamento das massas e prever acontecimentos futuros. Baseada em equações matemáticas, sua psico-história será, um dia, a pedra fundamental da Fundação (Editora Aleph)

Han Solo
foi inspirado em Rhett Butler, de ...E o Vento Levou
O personagem Han Solo é um caso complicado, e os fãs debatem há décadas se ele é um cowboy ou um pirata espacial. Na realidade, provavelmente ele é um pouco de cada anti-herói egoísta que destrói corações por onde passa. Como um estudante de cinema no final dos anos 60, Lucas estava familiarizado com '... E o Vento Levou' e foi claramente influenciado por esse clássico ao escrever Star Wars. Ambas as histórias são sobre uma guerra civil que apresenta os rebeldes como protagonistas. 
As semelhanças são ainda mais evidente quando comparamos a relação de Han Solo e Princesa Leia com a do casal Rhett Butler e Scarlett O'Hara. Han e Rhett são ladinos egocêntricos que ganham a vida viajando por aí. Os dois se preocupam mais com a riqueza do que com a causa rebelde, ambos estão apaixonados por mulheres de uma classe socioeconômica mais elevada, e ambas as mulheres são inicialmente 'boas garotas' que são atraídas por 'bad boys'. 
Lucas reforçou ainda mais as semelhanças quando aprovou um cartaz para 'O Império Contra-Ataca', que é quase uma cópia de um poster de relançamento de '...E o Vento Levou' de 1967.

Veja Também:
-Semelhanças entre os Vingadores e Star Wars
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
0 Comentários

0 . :

Postar um comentário