terça-feira, 28 de junho de 2016

7 Alterações feitas por George Lucas em Star Wars, que foram completamente justificáveis

A trilogia original de Star Wars tem sofrido algumas alterações significativas em sua estética ao longo das últimas três décadas. Muitas dessas mudanças foram inúteis, como por exemplo, incluir Greedo atirando primeiro na cena da cantina, o que fere diretamente a caracterização de um personagem badass como Han SoloEm geral, essas mudanças são consideradas terríveis pela maioria dos fãs. Afinal, mexer em algo tão icônico para a cultura pop, pode ser considerado um crime hediondo contra um patrimônio da humanidade.
Mas, avaliando essas atualizações mais a fundo, podemos ver que nem todas essas mudanças feitas por George Lucas foram assim tão ruins. E algumas delas são até que perfeitamente compreensíveis para melhorar a obra original, levá-la à um novo público, e ajudá-la a alcançar os patamares de hoje.

UMA NOVA ESPERANÇA
1. Os Stormtroopers da cena de perseguição no corredor
Um dos momentos mais replicado e parodiado de Star Wars. Han Solo persegue um Sormtrooper até virar uma curva no corredor e se ver superado numericamente. Na versão de 1997, Solo cai em um ninho com um batalhão inteiro de Stormtroopers armados. O que não faz muito sentido já que os soldados não parecem estar ciente da presença dele, apesar da base estar em alerta. Mas certamente é mais divertido.

2. Inclusão da interação entre Luke e Biggs
Na versão original de 1977, Biggs Darklighter era uma figura enigmática que fora mencionada casualmente em uma conversa, mas raramente visto durante o filme. Logo no início da história, ficamos sabendo que Biggs e Luke são amigos de infância que cresceram juntos em Tatooine, e Biggs deixou o planeta para juntar-se a rebelião contra o Império.
Na atualização de 1997, uma cena extra foi adicionada mostrando a reunião dos dois, selando o reencontro com um abraço fraterno depois de tantos anos. O que também cria uma certa empatia com o personagem quando Luke assiste a nave do amigo explodir durante o ataque a Estrela da Morte.

3. Remoção dos recortes de papelão
Os recortes de papelão no final de Uma Nova Esperança foi algo que sempre incomodou os fãs mais críticos. Na verdade esse recurso não tira a glória desse momento, mas deixa uma pequena mancha no conjunto da obra.
A mudança é discreta, mas melhora consideravelmente a apresentação final da cena, mostrando que até mesmo a menor das alterações pode fazer toda a diferença.

4. Melhora nos efeitos dos Lightsaber
Esta melhoria se aplica principalmente para o A Nova Esperança, mas os sabres de luz foram consideravelmente enriquecidos em todos os três filmes. Eles não eram tão vívidos antes, principalmente durante o confronto final entre Ben Kenobi e Darth Vader. Na versão do Blu-ray de 2011, os sabres foram revitalizados com cores fortes, tornando a batalha entre eles bem mais poderosa.

O IMPÉRIO CONTRA-ATACA
5. A substituição do Imperador
Ian McDiarmid é um ator fantástico que os fãs sempre associarão à série Star Wars. Embora ele seja mais fortemente lembrado pela sua presença em A Ameaça Fantasma, O Ataque dos Clones e A Vingança dos Sith, McDiarmid, na verdade, fez sua estréia na franquia em 1983, interpretando o Imperador em O Retorno de JediVendo o desempenho do ator ao interpretar o personagem em três dos quatro filmes em que ele se destaca, faz todo sentido que ele seja adicionado ao Império Contra-Ataca. Além de preservar uma continuidade extremamente necessária para o casting.

6. A expansão da Cidade das Nuvens
Na versão original a Cidade das Nuvens é basicamente resumida a corredores intermináveis com pouco sinal de vida, com um cenário sem janelas que poderia ser muito bem construído no subterrâneo de tão claustrofóbico que pareceGeorge Lucas expandiu o lugar derrubando algumas paredes da instalação e incluindo enormes janelas para acentuar a altitude da cidade,  finalmente abrindo um pouco de espaço para respirar.

O RETORNO DE JEDI
7. O fim estendido
A rebelião contra o Império claramente afetou toda a galáxia (ou imaginávamos que assim deveria ser antes da invenção do Episódio VII). No entanto, no final original de O Retorno de Jedi, tudo que temos são alguns fogos de artifícios nos céus de Endor e uma festa dócil com os Ewoks.
Nos acréscimos posteriores, o final do filme foi estendido para incluir cenas de festividades que teriam ocorrido em toda a galáxia após a vitória da rebelião. Graças a essas mudanças nós podemos ver, Tatooine, Naboo, Bespin e Coruscant unidos na celebração pela queda do Império Galáctico.

Veja Também:
-Os melhores livros do universo STAR WARS para leitores de todas as idades
-5 Mulheres impressionantes do universo expandido de Star Wars
-Elementos da cultura pop que influenciaram o universo de Star Wars
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
1 Comentários

Um comentário :

  1. Nossa, não tinha ideia de que essas mudanças tinham acontecido. Por mais que eu seja fã de Star Wars, não sou dessas que sabe tudo e mais um pouco!! rs... Gostei dessas mudanças apontadas! Melhorou o visual! rs...
    beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir