domingo, 26 de junho de 2016

Seu livro favorito de infância pode dizer muito sobre você hoje em dia

Como alguém que cresceu durante a década de 80, você provavelmente teve parte da sua formação composta por livros com personagens que passavam um longo tempo no telefone fixo, desvendavam crimes durante as férias escolares, e aprontavam 'altas confusões' em nossas coleções literárias favoritas. Pode não parecer, mas olhando pra trás podemos dizer que tivemos uma grande variedade de obras incríveis que sempre esquentavam as prateleiras das livrarias, deixando o nosso 'falecido' livreiro de bairro muito feliz. E mesmo quando algum livro era uma indicação imposta pela escola, sempre havia um em especial que conquistava os nossos corações. Aquele que desejamos que os nossos filhos também leiam futuramente.
Nossos livros favoritos podem dizer muito sobre a nossa personalidade. Claro que estamos em constante mudança e evolução, mas sempre existe aquelas características distintas que sempre mantemos mesmo com o avançar dos anos. O hábito da leitura já é um bom exemplo. Alguns dos seus primeiros livros, certamente, causaram um impacto importante na sua criação, e ajudaram a moldar o seu caráter.
Tomando como base os sucessos literários que acompanharam as duas últimas gerações do século passado (80 e 90), relatamos aqui como o seu livro favorito pode ter influenciado a sua personalidade na vida adulta.

Coleção Monteiro Lobato
A porta de entrada para o universo mágico do Sítio do Pica-pau Amarelo. A coleção foi lançada na década de 80, e completa formava o nome do autor com a lombada dos livros.
Você sempre teve uma imaginação fértil, e, como uma criança, você acreditava cegamente que alguns dos seus brinquedos se moviam e falavam quando você não estava olhando, assim como existia uma aventura escondida em cada viagem para o sítio ou casa de praia, da família. Agora que você cresceu, ainda usa a sua criatividade e imaginação utilmente em sua carreira profissional e em seus relacionamentos.

A literatura juvenil de Marcos Rey
Marcos Rey se dedicou principalmente às obras voltadas ao público juvenil. Escreveu também várias obras literárias adultas. No gênero ficção infantil estreou com 'Não Era Uma Vez', drama de um garoto à procura de sua cadela perdida nas ruas, e o 'O Mistério do Cinco Estrelas', que fazia parte da Coleção Vaga-lume, foi considerado a obra-prima do autor.
Contos de fadas nunca foram a sua praia. Você sempre teve consciência de que esse papo de "felizes para sempre" era distante demais da realidade, razão pela qual os livros soturnos de Marcos Rey eram seus favoritos absolutos. Você cresceu com os dois pés fincados no chão, e às vezes é até julgado como pessimista, mas no fundo, você está sempre esperando o melhor.

Série 'Eu, Detetive' da Stella Carr
Este é um livro-jogo que tem até tabuleiro, em que cada capítulo traz alguma pista para a solução do mistério. Pode ser lido normalmente ou "jogado" por quatro pessoas. Assim, o leitor terá a oportunidade de resolver, ele mesmo, o difícil mistério criado.
Você adorou resolver por si o mistério proposto no livro, e não tem razão para que isso mude agora. Você está sempre antenado nas notícias e se garante em um debate sobre qualquer assunto do momento. Alguns podem te ver como um ambicioso, mas a verdade é que você gostou de fazer a diferença como detetive dessa aventura, e você espera algum dia poder fazer alguma diferença no mundo também.

A Droga da Obediência, de Pedro Bandeira
A primeira aventura dos Karas, um grupo de estudantes que investiga crimes e enfrenta tramas diabólicas nessa série do inestimável Pedro Bandeira. Com a ajuda da indicação de leitura de muitas escolas da época, os livros de Bandeira não paravam nas prateleiras das livrarias.
As empreitadas dos Karas preenchiam a sua sede de aventuras e por conhecer coisas estranhas, e na sua cabeça, o ensino médio e fundamental eram anos realmente estranhos. Você era uma criança que tinha muitos amigos, e que se manteve fiel a eles durante toda sua vida. Pessoalmente é conhecido como um grande ouvinte, mas também gosta de compartilhar suas próprias histórias quando surge a chance.

A Coleção Vaga-Lume
A série Vaga-lume nasceu com um objetivo: oferecer literatura de qualidade para o público juvenil e, assim, promover o gosto pela leitura, principalmente para aquelas crianças e jovens que buscam aventuras literárias. Quando o projeto surgiu os autores foram convidados a participar, e até mesmo autores conhecidos por obras de outros gêneros ou voltados a outros públicos foram convidados.
Quando criança você era um incompreendido, o que não é necessariamente uma coisa ruim. No recreio, você provavelmente acabou fazendo amizade com outros leitores da coleção para ter com quem compartilhar o seu amor por cada livro da série que você acabava de ler. Apesar de seguir uma linha narrativa definida, os volumes da coleção abrangiam tantos assuntos diferentes que hoje você se tornou uma pessoa de mente aberta, algo que sempre te ajudou durante a vida.

O Diário Escondido da Serafina, de Cristina Porto
Serafina gosta de escrever escondida. O resultado é esse diário escondido que agora é o seu esconderijo mais seguro. E é ali que ela fala de seus sonhos, seus amigos, seus livros preferidos... A você cabe o prazer de ler a história e descobrir o que está acontecendo atrás das dobras do livro.
Você favoritou com O Diário Escondido da Serafina porque você mesma era obcecada em escrever no seu próprio diário, e procurava uma motivação como a de Serafina para mantê-lo sempre atualizado. De qualquer forma, você tende a ser uma pessoa mais tranquila no seu dia a dia. Seus pensamentos internos são sempre errantes, e com o tempo você se tornou uma pessoa bem observadora.

O Menino Maluquinho, de Ziraldo
Na grande obra infantil de Ziraldo, verso e desenho contam a história de um menino traquinas que aprontava muita confusão. Alegria da casa, liderava a garotada, era sabido e um grande amigo. Tirava dez em todas as matérias, mas era zero em comportamento. Menino maluquinho, diziam. Mas na verdade ele era um menino feliz.
Não importa a série ou o professor que teve na escola, você foi sempre conhecido como o palhaço da turma. Seu humor espirituoso e sarcasmo, por vezes, pode trazer-lhe problemas, mas na maioria das vezes ele só faz de você a pessoa mais engraçada do grupo de amigos. Você gosta de correr riscos e se divertir acima de tudo, e, francamente, todo mundo precisa de um amigo assim.

Coleção Disney Manual Do Escoteiro Mirim
Composto por 20 volumes em capa dura, é um conjunto de todos os manuais Disney produzidos pela Abril entre os anos 70 e 80, distribuídos em secções temáticas de acordo com os manuais de origem. Fazia uma abordagem de diversos temas da época, além de assuntos referentes às matérias escolares, numa linguagem fácil e divertida.
Esses livros foram a forma que muitas crianças encontraram de colocar na prática as experiências que apenas assistiam nos filmes e séries daquela tempo. Uma forma de conhecer diversas culturas sem sair de casa. Você gosta de ajudar as pessoas, mesmo aquelas que não merecem. Possui um grande coração que está constantemente procurando novas maneiras de fazer o melhor possível pelos outros. Mas, muitas vezes, acaba não prestando atenção nas suas próprias necessidades.

Veja Também
Gostou? Curta nossa fanpage no Facebook...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários
1 Comentários

Um comentário :

  1. Nossa, Fábio!
    Essa lista de hoje quase me fez chorar!
    Acho que tive todos esses livros e eu amava essas coleções. Não estava nem aí se eram livros impostos pela escola ou não. Afinal, vamos combinar que se a escola não nos forçasse a fazer as coisas, seríamos uns retardados até hoje, né?!
    Mas senti falta nessa lista da coleção do João Carlos Marinho, da Turma do Gordo!! rs... Vale uma parte 2!!!
    Beijos
    Camis - Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir